Qual matéria está procurando ?

Geografia

Geografia

Planeta Terra

Planeta Terra, também conhecido por planeta água, é o corpo celeste que habitamos. Nosso planeta apresenta uma dinâmica diferenciada e diversas particularidades.

O planeta Terra possui 70% da sua superfície coberta por água. O planeta Terra possui 70% da sua superfície coberta por água.

Vivemos no planeta chamado Terra, também conhecido como mundo, e até onde sabemos, trata-se do único planeta habitável do Sistema Solar. Também conhecido como “planeta água”, a Terra possui características bastante peculiares quando comparadas aos demais planetas. Sua posição em relação ao Sol é um dos principais motivos para a existência de vida e para a existência de água em seus três estados físicos, e, por isso, precisamos entender seu lugar no Universo.

Conhecer a Terra é o início do saber sobre a origem da vida, e entender sua estrutura é fundamental para compreender a dinâmica do planeta, seja na sua atmosfera, seja na própria crosta terrestre.

Leia também: Planetas gasosos do Sistema Solar: quais são e como são formados?

Dados sobre o planeta Terra

  • Denominações: Terra, mundo, planeta água ou planeta azul

  • Diâmetro: aproximadamente 12.756,2 km

  • Área da superfície: aproximadamente 510.072.000 km2

  • Massa: 5,9736 x 1024 kg

  • Distância do Sol: cerca de 149.600.000 km

  • Satélite natural: Lua

  • Período de rotação: 23 horas 56 minutos e 4 segundos

  • Período de translação: 365 dias 5 horas e 48 minutos

  • Temperatura média: 14 ºC

  • População terrestre: aproximadamente 7.722.522.000 habitantes

Características

O planeta Terra é um dos quatro planetas rochosos que compõem o Sistema Solar, localizado na Via Láctea. Ao dizer que ele é um planeta rochoso, estamos falando basicamente da sua composição, sua superfície sólida é formada por rochas e metais pesados, como o ferro. A composição rochosa e a presença de metais pesados fazem com que o planeta desse tipo apresente maior densidade. Por isso, a Terra está mais próxima do Sol quando comparada aos planetas gasosos.

Nós não a habitamos por acaso. A localização da Terra no Universo possibilita que nela haja água em seus três estados físicos: líquido, sólido e gasoso, assim como também influencia na presença de gases que colaboram para que sua temperatura média seja mantida por volta dos 14 ºC.

Vamos entender um pouco sobre a atmosfera terrestre? Basicamente, ela é composta por oxigênio, nitrogênio, vapor d'água e dióxido de carbono. Este é um dos principais responsáveis por um fenômeno natural conhecido como efeito estufa, que permite a existência de vida no planeta.

Os gases presentes na atmosfera, especialmente o dióxido de carbono, possuem a capacidade de absorver os raios solares emitidos à superfície terrestre. Uma vez que esses são absorvidos, evita-se que o calor seja totalmente irradiado de volta ao espaço. A parcela de energia solar absorvida fica então retida na atmosfera, permitindo que haja um equilíbrio energético e evitando uma grande amplitude térmica (diferença entre a temperatura máxima e a temperatura mínima). Assim, o planeta consegue manter temperaturas que possibilitam a existência de vida, diferentemente dos demais planetas que se encontram no Sistema Solar.

Os seres vivos que habitam a Terra retiram dela tudo aquilo que precisam para sobreviver. Os recursos naturais, renováveis ou não renováveis, permitem que os seres humanos, animais e vegetais mantenham-se vivos. Ao longo da história, mecanismos de adaptação foram desenvolvidos para que esses recursos pudessem ser aproveitados. Contudo, o uso excessivo e irracional desses tem provocado grandes danos ao planeta.

O meio ambiente tem sido constantemente degradado, comprometendo a vida das gerações futuras. A busca por um modelo de desenvolvimento sustentável é um dos principais temas de discussões em todas as regiões da Terra.

Estrutura interna da Terra


A Terra é divida em três camadas: crosta terrestre, manto e núcleo.

O planeta Terra possui formato de uma esfera, apresentando as regiões dos polos um pouco achatadas. Esse formato arredondado é possível porque o planeta possui massa suficiente para que a sua gravidade exerça a forma do equilíbrio estático. Em seu interior, o planeta apresenta algumas divisões, mais conhecidas como camadas da Terra. Veja quais são:

Núcleo

Manto

Crosta terrestre

O núcleo é a parte mais interna do planeta, bem como a camada mais quente. As temperaturas podem alcançar os 6.000 ºC no núcleo interno e cerca de 4.000 ºC no núcleo  externo. Sua composição conta com a presença de ferro, níquel e silício, que se mantêm sólidos (apesar das altas temperaturas) devido à grande pressão exercida nele.

O manto é a camada que se encontra sobre o núcleo e abaixo da crosta terrestre, portanto, uma camada intermediária. Ao contrário do núcleo, o manto possui material pastoso, conhecido como material magmático. As temperaturas nessa região podem alcançar 2.000 ºC, e essa também é composta por ferro, níquel e silício. O material magmático movimenta-se, no que é conhecido como correntes de convecção. Estas são responsáveis pela movimentação das placas tectônicas, que formam a litosfera terrestre.

A crosta terrestre é a parte mais externa da Terra. Encontra-se sobre o manto e possui cerca de 10 km sob os oceanos e entre 25 km e 100 km sob os continentes. A crosta terrestre é também chamada de litosfera. É formada por minerais, como ferro, magnésio e alumínio, e também por rochas. Antigamente acreditava-se que a litosfera era um bloco rochosos inteiriço, teoria essa derrubada pela Teoria da Tectônica de Placas. A crosta terrestre é, portanto, dividida em diversas placas rochosas, conhecidas como placas tectônicas, que se movimentam e atuam na dinâmica da superfície terrestre.


Veja também: Por que as placas tectônicas movimentam-se?

Estrutura externa da Terra

A Terra é composta por camadas externas que estão intrinsecamente ligadas à dinâmica do planeta. Nosso planeta é vivo não apenas do ponto de vista biológico mas está em constante movimentação geológica e fisicamente. Há três importantes componentes de sua estrutura externa:

Atmosfera

Biosfera

Hidrosfera

A atmosfera é a camada gasosa que envolve a Terra. Os principais gases presentes nessa camada são o oxigênio, nitrogênio e gás carbônico. Suas principais funções são: manter a temperatura média da Terra e evitar que fragmentos rochosos vindos do espaço alcancem sua superfície.

A biosfera é a camada de vida na Terra, correspondendo, portanto, a todos os ecossistemas do planeta, considerando não só os seres vivos mas também todo o ambiente habitado por eles. É uma das camadas de maior complexidade, por resultar de diversos fenômenos de ordem biológica, química e física.

A hidrosfera é a camada da Terra que compreende toda a parte líquida, como oceanos, mares e águas continentais (rios, lagos e reservas subterrâneas). Essa camada é de extrema importância para a manutenção da vida, pois não somos capazes de sobreviver sem água.


Saiba mais: Por que os vulcões entram em erupção?

Como o Planeta Terra originou-se?

Os planetas, bem como a Terra, originaram-se há bilhões de anos, contudo sua formação e a do Sistema Solar é controversa. Nenhuma teoria nesse sentido foi 100% aceita pela astronomia. A mais convincente foi elaborada, em 1644, por René Descartes, e ficou conhecida como Teoria da Nebulosa Solar.

Essa teoria, reformulada em 1796 por Pierre-Simon de Laplace, acredita que a origem do Sol e dos planetas deve-se ao colapso de uma nuvem, que, ao rotacionar em grande velocidade, acabou contraindo-se e “explodindo”. Na explosão, a concentração central, de maior densidade, deu origem ao Sol. As partículas remanescentes do centro, e que se espalharam, deram origem então aos planetas.

As partículas mais densas, com substâncias menos voláteis, ficaram mais próximas do Sol, formando então os planetas rochosos. Já as substâncias mais voláteis foram arrastadas para mais longe, formando os planetas gasosos.

Saiba mais: O que é a panspermia?

Planeta Terra no Universo


O planeta Terra compõe o Sistema Solar juntamente com mais sete planetas, e todos são classificados em rochosos ou gasosos.

Em relação ao Sol, o planeta Terra é o terceiro em distanciamento. Anterior a ele estão Mercúrio e Vênus, e posterior a ele estão Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno. Entre os planetas rochosos ou terrestres, a Terra é o maior deles, tanto em densidade quanto em diâmetro.

O planeta possui um satélite natural, a Lua, possivelmente formada devido à colisão entre o planeta e um outro corpo celeste. A rotação do satélite é sincronizada com a do planeta, e sua existência está associada às marés (alterações do nível do mar).

A Terra não é um corpo celeste de luz própria e não é estática. O planeta está em constante realização de diversos movimentos, como:

  • Rotação: é o movimento realizado pela Terra em torno do seu próprio eixo, e é responsável pela existência do dia e da noite.

  • Translação: é o movimento realizado pela Terra em torno do Sol, e é responsável pela existência das estações do ano.

  • Precessão: é o movimento em que há deslocamento do eixo da Terra.

  • Nutação: é o movimento de oscilação do eixo da Terra com relação à posição média de sua órbita.

Veja também: Movimentos da Terra: características e efeitos

Curiosidades sobre o planeta Terra

  1. A circunferência da Terra foi calculada por Eratóstenes há mais de dois mil anos. Eratóstenes foi um geógrafo, matemático, gramático, poeta e astrônomo da Grécia Antiga.

  2. O movimento de rotação da Terra tem diminuindo, aproximadamente, 17 milissegundos a cada 100 anos. Apesar de praticamente imperceptível, a longo prazo, essa diminuição acarretará no aumento da duração do dia.

  3. A movimentação das placas tectônicas que formam a crosta terrestre provoca fenômenos como os terremotos e tsunamis, e está também relacionada à existência dos vulcões.

  4. Em um ano, acontecem na Terra cerca de 50.000 terremotos, dos quais, aproximadamente, 100 são capazes de causar grandes estragos.

  5. Segundo a força aérea americana, cerca de 2.783 satélites orbitam a Terra atualmente.


Aproveite para conferir nossa videoaula sobre o assunto:

 

Por Rafaela Sousa

Você pode se interessar também

Geografia

Camadas da Terra

Geografia

Como é o centro da Terra?

Geografia

Crosta Terrestre

Geografia

Eras Geológicas

Últimos artigos

Cavalo

Cavalo é uma espécie de herbívoro não ruminante muito utilizada pelo homem. Sua domesticação foi muito importante para a nossa história.

Tucanos

Tucanos são animais que possuem bicos multicoloridos e bastante chamativos. Eles fazem parte da ordem Piciformes e família Ramphastidae.

Revolta da Armada

Revolta da Armada foi um levante armado organizado por membros da Marinha, em 1893. Esse movimento se deu pela forte oposição da Marinha a Floriano Peixoto.

Símbolos nacionais

Símbolos nacionais são quatro símbolos que, por determinação da nossa lei, representam a nação brasileira.