Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Sistema locomotor

O sistema locomotor é o responsável pela nossa locomoção, sendo constituído pelo esqueleto e pelos músculos esqueléticos. Esse sistema é, portanto, formado por dois sistemas: o sistema esquelético e o sistema muscular. Problemas que os afetam causam impacto negativo na nossa vida, desencadeando, por exemplo, dores e dificuldade para realizarmos nossas atividades diárias.

Leia também: O dente é um tipo de osso?

Sistema locomotor

O sistema locomotor é formado por dois componentes: o sistema esquelético e o sistema muscular. Esses dois sistemas atuam juntos, uma vez que os ossos servem de local de fixação para a musculatura esquelética do nosso corpo. A seguir, conheceremos um pouco mais a respeito deles:

O sistema locomotor é formado pelos sistemas esquelético e muscular.
  • Sistema esquelético

O sistema esquelético é formado pelo esqueleto humano, o qual é composto por 206 ossos. Na extremidade dos ossos chamados de longos, podemos observar a presença também de cartilagem. O esqueleto humano pode ser dividido em duas regiões: esqueleto axial e esqueleto apendicular.

O esqueleto axial é formado por 80 ossos e é composto pelos ossos que formam a cabeça, a caixa torácica e a coluna vertebral. O esqueleto apendicular, por sua vez, é formado pelos 126 ossos que compõem os membros superiores e inferiores e as cinturas escapular e pélvica. A chamada cintura escapular garante que os membros superiores conectem-se ao esqueleto axial, enquanto a pélvica  garante a conexão dos membros inferiores a esse esqueleto. Caso queira aprofundar-se no tema deste tópico, leia: Sistema esquelético.

Classificação dos ossos

Os ossos que compõem o esqueleto humano podem ser classificados de acordo com a relação existente entre seu comprimento, espessura e largura. Os ossos chamados de longos são aqueles que apresentam um grande comprimento: um exemplo é o fêmur, o maior osso do nosso corpo. Temos também os ossos chamados de curtos, aqueles que apresentam pouco comprimento, sendo similares seu comprimento, largura e espessura: um exemplo são os ossos do carpo, que formam o nosso punho. Por fim temos os ossos chatos, que apresentam pouca espessura: podem ser encontrados formando a nossa caixa craniana.

Observe no desenho alguns dos ossos que formam o esqueleto humano.
Observe no desenho alguns dos ossos que formam o esqueleto humano.

Articulações

Os ossos que compõem o nosso corpo estão unidos por meio das articulações. De acordo com o grau de movimento permitido pelas articulações, podemos classificá-las em móveis, semimóveis e imóveis. As articulações móveis permitem grande movimentação e podem ser encontradas, por exemplo, no ombro e no joelho. As imóveis não permitem movimentação e podem ser encontradas formando o crânio. Temos ainda as semimóveis, que apresentam uma movimentação, porém ela é limitada; são observadas nas vértebras da coluna.

  • Sistema muscular

O sistema muscular é formado pelos músculos que compõem o nosso corpo. Eles constituem de 40% a 50% do peso do nosso organismo e atuam em diferentes funções, garantindo, por exemplo, a nossa movimentação bem como a passagem dos alimentos pelo nosso sistema digestório, a passagem da urina pelo sistema urinário e a nossa respiração.

Leia também: Tecido muscular, responsável por formar nossos músculos

Classificação dos músculos

Os músculos podem ser classificados em três tipos: músculo estriado esquelético, músculo estriado cardíaco e músculo não estriado. Os músculos não estriados são encontrados nos nossos órgãos internos, como vasos sanguíneos, esôfago e bexiga. Eles apresentam uma contração involuntária, ou seja, sua contração ocorre independentemente da nossa vontade. O músculo estriado cardíaco está presente em nosso coração e também apresenta contração involuntária.

Os músculos estriados esqueléticos estão conectados aos nossos ossos. São eles que permitem, portanto, nosso deslocamento. A contração desses músculos é voluntária, ou seja, acontece por meio do nosso comando. Os músculos estriados esqueléticos estão conectados aos ossos por tendões, que são formados por tecido conjuntivo.

A maioria desses músculos está ligada a dois ossos e sua contração garante a movimentação dessas estruturas. Geralmente eles não trabalham sozinhos e sim em conjunto para garantir-se a movimentação. No nosso braço, por exemplo, para que ocorra a sua flexão, é necessário que o bíceps contraia-se e o tríceps relaxe. Para a extensão do braço, observamos o contrário, sendo fundamental que o bíceps relaxe e o tríceps contraia-se. Dizemos, nesses casos, que os músculos apresentam movimentos antagônicos.

Observe na figura o movimento antagônico realizado pelos bíceps e tríceps.

Importância do sistema locomotor

O sistema locomotor é responsável pela movimentação e deslocamento do nosso corpo. Além disso, ele garante sustentação de partes moles do corpo e proteção de órgãos internos. Nosso esqueleto funciona ainda garantindo a produção das células sanguíneas e servindo de local para armazenamento de sais.

Leia também: 10 curiosidades sobre o esqueleto

Problemas que afetam o sistema locomotor

O sistema locomotor pode ser afetado por diferentes fatores, tais como postura inadequada, alimentação deficiente ou mesmo prática de atividades físicas de maneira incorreta. Alguns dos problemas que o afetam são:

  • Desvios posturais: a má postura pode levar a problemas como hiperlordose (curvatura acentuada na região lombar), hipercifose (curvatura acentuada na região torácica, formando a famosa corcunda), e escoliose (curvatura lateral da coluna).
  • Osteoporose: essa doença é caracterizada pela perda de massa óssea, que deixa os ossos fracos e mais sujeitos a fraturas. Acomete, principalmente, pessoas idosas e, com maior frequência, mulheres após a menopausa. Baixa ingestão de cálcio na alimentação durante a vida pode estar relacionada com essa doença.
  • Distensão muscular: quando um músculo é submetido a um estiramento excessivo e ocorre a ruptura de fibras musculares. Apesar de ser comum em pessoas que praticam esportes, também pode ocorrer durante atividades do dia a dia, quando submetemos nosso músculo a um grande esforço.

Exercício sobre o sistema locomotor

Para verificar o que você aprendeu sobre o tema, preparamos uma cruzadinha que você deverá responder utilizando-se dos conhecimentos adquiridos neste texto. Preparado(a)?

Cruzadinha do sistema locomotor
Cruzadinha do sistema locomotor

Respostas:

  1. A caixa torácica faz parte do esqueleto axial ou apendicular? Resposta: Axial
  2. Que tipo de articulação é encontrada entre as vértebras? Resposta: Semimóvel
  3. O fêmur é um osso longo, curto ou chato? Resposta: Longo
  4. Exemplo de músculo estriado esquelético. Resposta: Bíceps
  5. Que tipo de contração é observada no músculo estriado cardíaco? Resposta: Involuntária
  6. Qual o nome do maior osso do corpo? Resposta: Fêmur
  7. Que tipo de articulação é encontrada no joelho? Resposta: Móvel
Por Vanessa Sardinha dos Santos

Você pode se interessar também

Ciências

Articulações

Ciências

Coluna vertebral

Ciências

Corpo humano

Ciências

Corpo humano

Últimos artigos

Cavalo

Cavalo é uma espécie de herbívoro não ruminante muito utilizada pelo homem. Sua domesticação foi muito importante para a nossa história.

Tucanos

Tucanos são animais que possuem bicos multicoloridos e bastante chamativos. Eles fazem parte da ordem Piciformes e família Ramphastidae.

Revolta da Armada

Revolta da Armada foi um levante armado organizado por membros da Marinha, em 1893. Esse movimento se deu pela forte oposição da Marinha a Floriano Peixoto.

Símbolos nacionais

Símbolos nacionais são quatro símbolos que, por determinação da nossa lei, representam a nação brasileira.