Qual matéria está procurando ?

Geografia

Geografia

Solo | Ensino Fundamental I

O solo é a camada superficial da Terra e é formado por minerais e matéria orgânica, que vêm da decomposição dos animais e dos vegetais. Ele serve como fonte de nutrientes para as plantas e é um importante elemento na produção agrícola, pois é a partir dele que o homem produz boa parte dos alimentos.

Desde o início da humanidade, o ser humano utiliza o solo como recurso para sua manutenção e sobrevivência. Por isso, cuidar do solo é tão importante para a manutenção do ecossistema terrestre.

Leia também: Crosta terrestre – camada mais fina e externa do nosso planeta

Quais são os tipos de solo?

Graças ao solo, as plantas retiram os nutrientes necessários para a sua sobrevivência.

O solo pode ser dividido em quatro tipos: arenoso, argiloso, humoso e calcário. Para compreender melhor a função de cada um, é importante conhecer mais sobre eles.

O solo arenoso tem uma grande quantidade de areia e é pobre em nutrientes. É considerado um solo de ótima infiltração, ou seja, absorve muito a água e, por isso, não é ideal para a prática agrária. Esse solo não é próprio para cultivo.

O solo arenoso não é o ideal para a prática agrária.

O solo argiloso apresenta uma grande quantidade de nutrientes e possibilita a produção agrícola, pois, após ser molhado, ele absorve a água, tornando-se mais arejado. Isso permite que a planta absorva melhor os nutrientes.

O solo argiloso contém uma grande quantidade de nutrientes.

O solo humoso é também conhecido como solo escuro e é muito rico em nutrientes, devido à grande quantidade de matéria orgânica. Sendo assim, ele é bastante fértil, por isso é muito utilizado na produção agrícola.

O solo humoso é rico em matéria orgânica.

O solo calcário é de fácil identificação, pois ele contém um grande número de pedras em sua composição. Ele é impróprio para cultivo, pois as pedras não permitem que a raiz das plantas desenvolva-se.

O solo calcário apresenta pedras em sua composição.

Veja também: Rochas – quais são os tipos que existem?

Qual é a importância do solo?

O solo é importante, pois ele permite a manutenção do ecossistema terrestre. A partir dele, as plantas retiram os nutrientes para desenvolver-se, bem como os seres vivos que dependem dele. Por isso, ações de cuidado com o solo são tão muito necessárias.

Poluir o solo, além de prejudicá-lo, destrói a possibilidade de alimento das plantas. O certo é nunca jogar resíduos recicláveis nem da construção civil no solo. Já os resíduos orgânicos, como as cascas de frutas e verduras, servem como adubo e são ótimas fontes de nutrição para o solo.

Veja também: Poluição - o que é, tipos e consequências

Atividades

Questão 1 - Marque V para verdadeiro e F para falso.

A) ( ) O solo é a camada superficial da Terra, sendo formado por minerais e matéria orgânica, que vêm da composição dos animais e dos vegetais.

B) ( ) O ser humano utiliza o solo como recurso para sua manutenção e sobrevivência.

C) ( ) O solo arenoso tem uma pequena quantidade de areia e é rico em nutrientes.

D) ( ) O solo argiloso apresenta uma grande quantidade de nutrientes e possibilita a criação de animais.

E) ( ) O solo humoso é também conhecido como solo escuro e é muito rico em nutrientes, devido à grande quantidade de matéria orgânica.

F) ( ) O solo calcário é de fácil identificação, pois ele contém um grande número de pedras em sua composição.

Resolução

A) V

B) V

C) F

D) F

E) V

F) V

Por Daviane Nunes

Você pode se interessar também

Geografia

Agricultura Orgânica

Ciências

Biosfera

Ciências

Cheiro de terra molhada

Geografia

Chuva ácida

Últimos artigos

Hipérbole

A hipérbole é uma figura de linguagem que usa, de propósito, o exagero nas expressões para dar ênfase ao discurso. Ela é classificada como figura de pensamento.

Período Neolítico

Período Neolítico é um dos períodos da Pré-História, profundamente marcado pela sedentarização do humano, uma consequência do desenvolvimento da agricultura.

Predatismo

Predatismo ou predação é uma relação ecológica estabelecida entre indivíduos de espécies diferentes, na qual um organismo serve de alimento para outro.

Amensalismo

Amensalismo é uma relação ecológica em que uma das espécies envolvidas inibe o crescimento ou a reprodução de outra. Um exemplo dessa interação é a maré vermelha.