Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Acentuação gráfica

As regras de acentuação gráfica são fundamentais não apenas para a escrita correta das palavras, mas também para sua pronúncia.

Acabe com suas dúvidas em acentuação gráfica! Acabe com suas dúvidas em acentuação gráfica!

  As regras de acentuação gráfica foram criadas para, por meio da escrita, orientar a pronúncia correta das palavras quanto à sílaba tônica. Os acentos gráficos são dois: agudo (´) e circunflexo (^). As regras, já atualizadas pela Reforma Ortográfica, aplicam-se às oxítonas, paroxítonas, proparoxítonas, ditongos abertos, hiatos e acentos diferenciais.

Leia também: Acento tônico e acento gráfico

Regras gerais de acentuação gráfica

1. Monossílabos tônicos: são palavras formadas por uma única sílaba. São acentuados quando terminados em:

  • A (s): pá, lá, ás (baralho)

  • E (s): pé, fé, ré

  • O (s): pó, dó

2. Oxítonas: são as palavras cuja sílaba tônica é a última. Recebem acento quando terminadas em:

  • A (s): so-fá, Pa-rá, ma-ra-cu-jás, Pa-ra-ná.

  • E (s): vo-cê, ca-fé, be-bês.

  • O (s): a-vô, a-vós.

  • EM: al-guém, tam-bém, po-rém, nin-guém.

  • ENS: pa-ra-béns.

3. Paroxítonas: são as palavras cuja sílaba tônica é a penúltima. Recebem acento quando terminadas em:

  • L: ní-vel, rép-til, i-na-cre-di-tá-vel.

  • R: a-çú-car, re-vól-ver, ca-rá-ter.

  • N: hí-fen, ab-dô-men, pró-ton, nêu-tron, e-lé-tron.

  • X: clí-max, tó-rax.

  • I (s): lá-pis, tá-xi, vô-lei, pô-nei, jó-quei.

  • U (s): ô-nus, bô-nus.

  • UM/UNS: fó-rum, quó-rum.

  • Ã (s): ór-fã.

  • ÃO (s): só-tão, ór-gão, ór-fão.

  • ONS: pró-tons, e-lé-trons, nêu-trons.

  • PS: bí-ceps, trí-ceps, qua-drí-ceps, fór-ceps.

  • DITONGOS CRESCENTES: his-tó-ria, sé-rie, á-gua, é-gua, Má-rio, ró-seo.

Observação: Antes da Nova Ortografia, havia duas outras regras para acentuação de paroxítonas: quando elas possuíam EE e OO. Eram os casos de VOO, ENJOO, CREEM, LEEM e VEEM. Essas palavras possuíam acento circunflexo. Hoje, são grafadas sem acento.

4. Proparoxítonas: são as palavras cuja sílaba tônica é a antepenúltima. Todas são acentuadas. Exemplos: mé-di-co, ár-vo-re, mai-ús-cu-lo, ô-ni-bus, Pi-tá-go-ras.

Leia também: Ansioso ou ancioso?

Regras especiais de acentuação

5. Ditongos abertos: os ditongos abertos ÉU, ÉI e ÓI são acentuados para que não se confundam suas pronúncias com suas respectivas formas fechadas EU, EI e OI.

Veja:

  • Formas abertas: céu, réu, cha-péu, a-néis, fí-éis, pas-téis, dói, he-rói, des-trói.
  • Formas fechadas: seu, meu, co-meu, a-vei-a, ba-lei-a, fa-lei, boi, oi-to.

Observação: Com a Nova Ortografia, os ditongos abertos EI e OI perderam acento em palavras paroxítonas. Exemplos: i-dei-a, as-sem-blei-a, eu-ro-pei-a, ge-lei-a, ji-boi-a, joi-a, he-roi-co. Essas palavras tinham acento agudo (idéia, assembléia, européia, geléia, jibóia, jóia e heróico), mas o perderam em razão da Reforma Ortográfica.

Veja também: Cinco superdicas sobre dúvidas verbais

6. Hiato: acentuam-se os hiatos com I ou U sozinhos na sílaba ou seguidos de S.

Veja:

Pa-ís, sa-ú-de, ba-ú, mi-ú-do, a-ça-í, Lu-ís, ra-í-zes, ju-í-zo.

 

Observações:

- Hiatos seguidos de NH não são acentuados. Veja:

Mo-i-nho, ra-i-nha.

- Com a Nova Ortografia, não se acentuam hiatos precedidos de ditongo em palavras paroxítonas. Veja:

fei-u-ra, boi-u-no, Bo-cai-u-va.

7. Acento diferencial: recebem acento diferencial algumas palavras homônimas perfeitas que, em determinados contextos, podem geram duplicidade de sentido ou confusão na interpretação.

Veja:

Pôr (verbo) – Por (preposição)

(eles) Têm (plural) – (ele) Tem (singular)

(eles) Vêm (plural) – (ele) Tem (singular)

(o/um) Porquê (substantivo) – Porque (conjunção)

(eles) Contêm (plural) – (ele) Contém (singular)

(eles) Provêm (plural) – (ele) Provém (singular)

Observações:

→ As palavras para (verbo), pelo (substantivo) e polo (substantivo) tinham acento diferencial antes da Reforma Ortográfica (pára, pêlo e pólo). Esses acentos foram extintos.

→ O acento diferencial em fôrma (fechado) para diferenciar de forma (aberto) é facultativo.

→ A forma verbal pôde (passado) possui acento diferencial para distingui-la de pode (presente) mesmo não sendo palavras homônimas perfeitas.

Leia também: Por que, por quê, porque ou porquê?

Exercícios sobre acentuação gráfica

01 – Marque a alternativa em que a palavra mantém acento gráfico de acordo com a ortografia vigente.

a) Escarcéu

b) Idéia

c) Pêlo

d) Pólo

e) Jibóia

02 – Marque a alternativa cujas palavras são acentuadas em razão de uma mesma regra:

a) Réu – sofá – açaí

b) Música – você - história

c) Avó – também – Pará

d) Égua – pá – jequitibá

e) Saúde – ônibus – fé

Gabaritos: A, C.  

Por Jairo Beraldo

Você pode se interessar também

Português

Acento Agudo

Português

Acento tônico e acento gráfico

Português

Homonímia

Português

Ortoépia

Últimos artigos

Símbolos nacionais

Símbolos nacionais são quatro símbolos que, por determinação da nossa lei, representam a nação brasileira.

Guerra do Contestado

Guerra do Contestado foi um conflito que se estendeu de 1912 a 1916 e mesclou insatisfação social com messianismo religioso.

Encontro vocálico

O encontro vocálico ocorre quando uma vogal e uma semivogal aparecem uma depois da outra em uma palavra. Há três tipos de encontro vocálico: o ditongo, o tritongo e o hiato.

Transporte passivo

Transporte passivo garante o transporte de substâncias através da membrana plasmática sem que ocorra o gasto de energia. A osmose é um tipo de transporte passivo.