Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Metáfora

Você já ouviu falar em metáfora? Provavelmente você já usou uma em algum momento. A metáfora é uma figura de linguagem que ocorre quando comparamos elementos ou ideias de modo implícito. Mas o que isso significa?

O que é metáfora?

A metáfora é uma figura de linguagem usada para fazer comparações de maneira implícita, isto é, para comparar ideias, pessoas, coisas ou conceitos sem usar expressões que indiquem essa comparação, deixando tudo subentendido.

Para isso, na metáfora, usamos a linguagem figurada, que é aquela que não traz o significado literal, real, das palavras. Por essa razão, ela também é considerada uma figura de palavras, que são as figuras de linguagem que brincam com os sentidos das palavras.

Leia também: Catacrese — figura de palavra usada na falta de um termo específico

Usos da metáfora

Vamos analisar alguns exemplos da metáfora.

A criança não virou literalmente uma fera, mas o enunciado significa que ela ficou muito brava.
  • Ele tem um coração gigante!

No exemplo acima, a linguagem não é literal, ou seja, não significa que o coração da pessoa seja do tamanho de um gigante. Na verdade, essa sentença quer dizer que a pessoa é muito amorosa, carinhosa, afetuosa. Para isso, usou-se uma metáfora falando que o coração dela é muito grande.

  • Essa menina é um verdadeiro camaleão, sabe se disfarçar muito bem!

Já nesse outro exemplo, a menina não pode ser literalmente o bicho camaleão, pois ela é um ser humano. Porém, ela foi comparada a um camaleão porque, assim como um, ela também consegue se disfarçar muito bem.

  • Que calor! Esta casa está um forno!

Nesse último exemplo, a pessoa não está afirmando que mora dentro de um forno, mas usou essa metáfora para dizer que sua casa está tão quente que até lembra a temperatura de um forno.

Diferenças entre metáfora e comparação

Você sabia que também existe uma figura de linguagem chamada comparação? Ela também estabelece comparações e semelhanças entre diferentes ideias ou elementos, mas faz isso explicitamente, ou seja, usando expressões que indicam que se trata de uma comparação, diferentemente do que aprendemos sobre a metáfora. Veja a diferença:

  • Comparação

O Ricardo é leve como uma pena.

Nesse exemplo, usamos a figura da comparação por causa da palavra “como”, que indica a comparação. Assim, comparamos o peso de alguém ao peso de uma pena, indicando que essa pessoa é muito leve. Veja a diferença se usarmos uma metáfora:

  • Metáfora

O Ricardo tem o peso de uma pena.

Não é possível que uma pessoa tenha o mesmo peso de uma pena. Por isso, aqui foi usada uma metáfora para indicar que a pessoa é muito leve.

Leia também: Metonímia — figura de linguagem caracterizada pela substituição de um termo pelo outro

Exercícios resolvidos

Questão 1

Assinale a alternativa que contém uma metáfora.

a) Ele canta feito um passarinho!
b) Nós somos unha e carne!
c) Esse animal é alto como um prédio!
d) Eles nadam tão bem quanto um peixe!

Questão 2

Transforme as seguintes comparações em metáforas:

a) Ele canta feito um passarinho!
b) Nós somos como unha e carne!
c) Eles nadam tão bem quanto um peixe!

Respostas

1 – Alternativa B. As pessoas não são literalmente unha e carne, mas foi usada essa metáfora para dizer que estão sempre juntas, como a unha está sempre junta da carne. Nas demais alternativas, há uma comparação.

2 – Há muitas possibilidades diferentes para transformar as comparações em metáforas. Aqui vão alguns exemplos:

a) Ele tem voz de passarinho!
b) Nós somos unha e carne!
c) Eles são verdadeiros peixinhos!

Por Guilherme Viana

Você pode se interessar também

Português

Catacrese

Português

Comparação

Português

Figuras de Palavras

Português

Figuras de linguagem

Últimos artigos

Pau-brasil

Pau-brasil foi o primeiro artigo que os portugueses exploraram durante a colonização. Era uma madeira conhecida por permitir a fabricação de um corante avermelhado.

Deuses gregos

Os deuses gregos formavam o chamado panteão da religião dos gregos. Na crença grega, eram imortais, mas tinham forma humana e sentimentos comuns aos dos humanos.

Macacos

Macacos são animais mamíferos da ordem dos primatas que, geralmente, são encontrados vivendo em grupos, os quais apresentam comportamento social.

Tutu

Tutu, no folclore brasileiro, é reconhecido como um monstro disforme que é muito associado com o bicho-papão, o monstro devorador de crianças.