Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Sentido literal e sentido figurado – o uso da conotação e da denotação na construção dos sentidos

Aprenda como os sentidos podem ser construídos na língua portuguesa com o uso da conotação e da denotação.

♦ Sentido literal

O sentido literal, ou denotativo, é o significado genuíno, próprio, das expressões e enunciados. Esse tipo de construção de sentidos é utilizado em textos que têm como objetivo principal informar, argumentar, orientar.

Veja um exemplo a seguir:

A “Marcha para o Oeste” foi um programa desenvolvido pelo governo de Getúlio Vargas durante o período do Estado Novo e tinha como objetivo promover o desenvolvimento populacional e a integração econômica de áreas pouco povoadas e desenvolvidas das regiões centro-oeste e norte do Brasil. No entanto, os resultados do projeto foram modestos.”

Daniel Neves Silva – acessado em 26/08/2017 -
https://escolakids.uol.com.br/estado-novo-marcha-para-oeste-no-brasil.htm.

Perceba que, nesse tipo de texto, há uma função informativa a respeito da “Marcha para o Oeste”, na qual o autor utiliza-se de uma linguagem direta, priorizando o significado “básico” das palavras, expressões e enunciados na construção de sentido do texto.

♦ Sentido figurado

Nos textos em que existe uma preocupação maior com a estética, é comum o uso do sentido figurado, ou conotação, em sua construção, como em músicas, poesias, poemas, textos publicitários etc.

Veja um exemplo:

- TIM, viver sem fronteiras.

- Havaianas, as legítimas.

Perceba que o uso das expressões “viver sem fronteiras” e “as legítimas” força o leitor a estabelecer relações de sentido que extrapolam o significado básico dessas palavras, ou seja, remetem o leitor a um conhecimento além do texto. Esse tipo de construção de sentido possibilitam um novo significado às palavras, expressões e enunciados, provocando no leitor um efeito mais estimulante.

Os sentidos literal e figurado permitem aumentar a expressividade da língua Os sentidos literal e figurado permitem aumentar a expressividade da língua
Por Mariana Rigonatto

Você pode se interessar também

Português

Comparação

Últimos artigos

Cuca

Cuca é um ser do folclore brasileiro e apresentada como uma velha má que sequestra crianças. Por meio de Monteiro Lobato, a forma de jacaré da cuca se popularizou.

Animais herbívoros

Os animais herbívoros se alimentam de algas e/ou vegetais e, portanto, ocupam sempre o nível de consumidores primários na cadeia alimentar.

Realismo no Brasil

Realismo foi um estilo de época do século XIX. No Brasil, Machado de Assis é seu maior representante.

Código de Hamurábi

Código de Hamurábi — código de leis tradicionais na Mesopotâmia — foi compilado por Hamurábi, rei da Babilônia, no século XVIII a.C.