Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Verbos de ligação

Verbos de ligação são aqueles que fazem a união entre o sujeito e o predicativo, expressando um estado permanente, transitório ou aparente do sujeito, ou sua mudança.

Desenhos de diferentes estados de humor em texto sobre verbos de ligação. Os verbos de ligação ajudam a expressar o estado do sujeito.

Verbos de ligação têm a função de ligar o sujeito ao predicativo do sujeito. O predicativo expressa uma qualidade ou estado do sujeito. Assim, os verbos de ligação podem indicar um estado permanente, transitório ou aparente, além da mudança ou continuação de estado. Eles são diferentes dos verbos significativos, ou seja, aqueles que expressam uma ação.

Leia também: Verbos — classificação, tempos, modos, vozes e muito mais

Resumo sobre verbos de ligação

  • Os verbos de ligação fazem a união entre o sujeito e o predicativo do sujeito.

  • O predicativo do sujeito expressa um estado ou qualidade do sujeito.

  • Os verbos de ligação indicam estado permanente, transitório ou aparente, além da mudança ou continuação de estado.

  • Os verbos significativos são aqueles que expressam uma ação.

  • Além dos verbos de ligação, existem verbos transitivos diretos, transitivos indiretos e intransitivos.

Videoaula sobre verbos de ligação

O que são verbos de ligação?

Existem verbos que indicam uma ação, não existem? Por exemplo: correr, brincar, ler, dançar etc. Pois isso não acontece com os verbos de ligação. Isso mesmo! Os verbos de ligação são verbos que não indicam ação. Portanto, eles ajudam a revelar um estado ou uma condição do sujeito.

Esse estado pode ser:

  • permanente:

Minha amiga Barbie é muito engraçada.

  • transitório:

Meu amigo Juca está contente.

  • aparente:

O jogo parece emocionante.

Os verbos de ligação também podem mostrar uma mudança de estado:

Meu cãozinho ficou doente.

Ou a continuação de um estado:

Vovô permanece irritado.

Como identificar corretamente os verbos de ligação?

Quando você quer saber o estado de alguém, o que é que você pergunta?... Hum, acho que você pergunta: “Como você está?”. Pois é, esse “como” é a chave para você identificar corretamente os verbos de ligação. Vamos pegar uma frase como exemplo, e você vai ver que é facinho.

Duda fica feliz quando pula na cama elástica.

  • Pergunta 1: Quais são os verbos da frase?

  • Resposta: FICA e PULA.

  • Pergunta 2: Qual indica ação e qual indica o estado do sujeito?

  • Resposta: PULA indica ação; FICA indica estado.

  • Pergunta 3: Qual deles é o verbo de ligação?

  • Resposta: FICA.

Para ter certeza, agora é só colocar a palavrinha COMO depois do verbo FICA e fazer esta pergunta:

Duda fica como?

Resposta:

Duda fica feliz.

É só lembrar que os verbos de ligação não apontam uma ação. O que eles fazem é ligar o sujeito ao predicativo do sujeito. Agora você deve estar perguntando: “O que é predicativo do sujeito?”. Calma, é só um nome para o estado do sujeito. E na frase analisada, o verbo FICA ajuda a mostrar o estado do sujeito Duda, ou seja, o predicativo do sujeito FELIZ.

Mas atenção! Há verbos que podem ser usados para indicar uma ação, mas, em outros momentos, ser utilizados para apontar um estado. É o caso do verbo ANDAR:

Vovó andava na praça todas as manhãs.
[Ação]

Vovó andava feliz ultimamente.
[Estado]

Veja também: Quais são os tipos de sujeito de uma oração?

Exemplos de frases com verbos de ligação

O bolo de aniversário era cor-de-rosa.

Meu gato vivia mal-humorado.

A boneca está suja.

O cavalo acha-se cansado.

Minha irmã anda misteriosa.

Meu amigo Bruno encontra-se preocupado hoje.

A brincadeira parece divertida.

Anita ficou feliz.

O caderno acabou rasgado.

O cachorro caiu doente.

O girassol fez-se radiante.

Meu time saiu vencedor.

A aula tornou-se complicada.

João continuava chato.

O papagaio permanecia calado.

Lista com alguns verbos de ligação

Verbos de ligação que indicam:

  • estado permanente:

    • ser

    • viver

  • estado transitório:

    • estar

    • achar-se

    • andar

    • encontrar-se

  • estado aparente:

    • parecer

  • mudança de estado:

    • ficar

    • acabar

    • cair

    • fazer-se

    • sair

    • tornar-se

  • continuação de estado:

    • continuar

    • permanecer

Verbos de ligação x verbos significativos

Nós vimos acima que os verbos de ligação ajudam a mostrar o estado do sujeito. Também aprendemos que existem verbos que expressam uma ação. Portanto, os verbos significativos são aqueles que expressam uma ação.

Além disso, os verbos de ligação indicam um estado permanente, transitório ou aparente, além de uma mudança ou continuação de estado. Já os verbos significativos podem ser transitivos diretos, transitivos indiretos ou intransitivos.

Verbos de ligação x predicativo do sujeito

Os verbos de ligação unem o sujeito e o predicativo do sujeito. O predicativo é a qualidade ou estado desse sujeito.

Vamos ilustrar com esta oração:

Os balões eram azuis.

  • Sujeito: Os balões.

  • Verbo de ligação: eram.

  • Predicativo do sujeito: azuis.

Saiba mais: Qual a relação entre verbos de ligação e predicado nominal?

Outras classificações dos verbos

Classificação

Definição

Exemplo

Verbo transitivo direto

Necessita de um complemento sem preposição.

Júnior fez um papagaio.

[O complemento do verbo “fez” é “um papagaio”.]

Verbo transitivo indireto

Necessita de um complemento com preposição.

Hebe acredita em Papai Noel.

[O complemento do verbo “acredita” é “em Papai Noel”.]

Verbo transitivo direto e indireto

Necessita de dois complementos: um sem preposição e outro com preposição.

Márcia emprestou a borracha ao colega.

[Os complementos do verbo “emprestar” são “a borracha” e “ao colega”.]

Verbo intransitivo

Não necessita de complementos.

O professor sorriu.

Verbo de ligação

Une o sujeito ao predicativo do sujeito.

Minha irmã é inteligente.

Exercícios resolvidos sobre verbos de ligação

Questão 1

Leia este poema de Vinicius de Moraes:

Bom dia, pinguim
Onde vai assim
Com ar apressado?
Eu não sou malvado
Não fique assustado
Com medo de mim.
Eu só gostaria
De dar um tapinha
No seu chapéu-jaca
Ou bem de levinho
Puxar o rabinho
Da sua casaca.

MORAES, Vinicius de. A arca de Noé. São Paulo: Companhia das Letrinhas, 2004.

Em qual dos versos citados abaixo existe um verbo de ligação?

A) “Onde vai assim”.

B) “Eu não sou malvado”.

C) “Eu só gostaria”.

D) “De dar um tapinha”.

E) “Puxar o rabinho”.

Resolução:

Alternativa B.

Na frase “Eu não sou malvado”, temos: sujeito (“eu”), verbo de ligação (“sou”) e predicativo do sujeito (“malvado”).

Questão 2

Todas as frases abaixo apresentam verbo de ligação, EXCETO:

A) Betinho ficava assustado com fogos de artifício.

B) Melinda estava feliz por jogar futebol.

C) Maria andava bem-humorada nos últimos dias.

D) Luciano parava o carro azul na frente da sorveteria.

E) O aluno permaneceu atento durante a aula de Física.

Resolução:

Alternativa D.

Verbos de ligação: “ficava” (alternativa A), “estava” (alternativa B), “andava” (alternativa C) e “permaneceu” (alternativa E). Já “parava” (alternativa D) é transitivo direto.

Fontes

CEGALLA, Domingos Paschoal. Novíssima gramática da língua portuguesa. 49. ed. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2020.

REGO, Maria Filomena Correia do. O processo interacional em material didático para EJA na modalidade de educação a distância. 2014. Dissertação (Mestrado em Letras) – Instituto de Letras, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2014.

SACCONI, Luiz Antonio. Nossa gramática: teoria e prática. 26. ed. São Paulo: Atual Editora, 2001.

SANTOS, Márcia Angélica dos. Aprenda análise sintática. 6. ed. São Paulo: Saraiva, 2003.  

Por Warley Souza

Você pode se interessar também

Português

Características do predicado

Português

Orações subordinadas substantivas

Português

Predicado nominal

Português

Predicativo do sujeito

Últimos artigos

Brincadeiras juninas

As brincadeiras juninas são uma das partes mais divertidas da Festa Junina. A seguir, você verá dicas de 15 dessas brincadeiras!

Sedentarização

A sedentarização foi o processo por meio do qual os humanos abandonaram o nomadismo, fixando-se em uma localidade.

Comidas de Festa Junina

Algumas comidas de Festa Junina são: a pamonha, o milho cozido, o milho assado, a canjica, o curau, o arroz-doce, a paçoca, o mané pelado, o pé de moleque e o bolo de milho.

Lixiviação

Lixiviação é um processo de degradação do solo que consiste na retirada de seus nutrientes pela percolação da água, o que reduz sua fertilidade e pode levar à desertificação.