Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Tipos de sujeito

Os quatro tipos de sujeito são o sujeito simples, o sujeito composto, o sujeito oculto e o sujeito indeterminado.

Criança com expressão de dúvida enquanto estuda sobre os tipos de sujeito. Há quatro tipos de sujeito: simples, composto, oculto e indeterminado.

Os tipos de sujeito são quatro:

  • sujeito simples;

  • sujeito composto;

  • sujeito oculto;

  • sujeito indeterminado.

Leia também: Quais são os tipos de predicado?

Resumo sobre os tipos de sujeito

  • Os tipos de sujeito são sujeito simples, sujeito composto, sujeito oculto e sujeito indeterminado.

  • O sujeito simples tem apenas um núcleo.

  • O sujeito composto tem mais de um núcleo.

  • O sujeito oculto não aparece na frase, mas sabe-se quem é.

  • O sujeito indeterminado não aparece na frase e não se sabe quem é.

  • Algumas frases não têm um sujeito realizando a ação do verbo e são chamadas de oração sem sujeito.

Quais são os tipos de sujeito?

Há quatro diferentes tipos de sujeito de acordo com a construção da frase: o sujeito simples, o sujeito composto, o sujeito oculto e o sujeito indeterminado. Antes de ver mais detalhes sobre os tipos de sujeito, é importante lembrar que o sujeito é aquele que realiza a ação de um verbo. Veja:

sujeito + verbo

Eu levei o meu cachorro para passear.

Nessa frase, o verbo é “levar” e o sujeito que realizou essa ação é o pronome “eu”.

Sujeito simples

O sujeito simples ocorre quando há apenas um núcleo, que é como se fosse uma única palavra ou expressão para representar quem realiza a ação do verbo. Veja:

Eu levei o meu cachorro para passear.

Minha irmã levou o meu cachorro para passear.

Nós levamos o meu cachorro para passear.

Nos três exemplos, o sujeito é simples, pois apenas uma única expressão representa o sujeito: no primeiro caso, “eu”; no segundo caso, “irmã”; e no terceiro caso, “nós”. Veja mais alguns exemplos de sujeito simples nas frases:

O sol brilha intensamente no céu azul.

O pássaro voa livremente sobre as árvores.

A criança brincava no parque com seus amigos.

O vento soprou suavemente entre as folhas das árvores.

O gato dorme tranquilamente sobre o tapete da sala.

Sujeito composto

O sujeito composto ocorre quando há mais de um núcleo na frase, ou seja, mais de uma expressão representa os sujeitos que realizam a ação. Veja:

Eu e minha irmã levamos o meu cachorro para passear.

Agora, há dois núcleos diferentes que realizam a mesma ação do verbo: “eu” e “irmã”. Veja outros exemplos de sujeito composto:

Maria e João foram ao cinema juntos.

O cachorro e o gato brincam no jardim.

Eu e você estudamos para a prova durante a tarde toda.

O Sol e a Lua aparecem no céu durante o dia e a noite.

Marcos e Carla prepararam um delicioso jantar para os convidados.

Sujeito oculto

No sujeito oculto, existe alguém realizando a ação do verbo, mas a palavra que expressa quem é esse sujeito não aparece na frase. Veja:

Levei o meu cachorro para passear.

Levamos o meu cachorro para passear.

Nesses exemplos, só sabemos quem é o sujeito por conta da conjugação do verbo: “eu”, no primeiro caso, e “nós”, no segundo. Veja outros exemplos de sujeito oculto:

Saí cedo de casa hoje.

Podemos resolver esse problema juntos.

Dançou muito bem na apresentação.

Estou ansioso para as férias de verão.

Vamos ao parque no fim de semana?

Sujeito indeterminado

No sujeito indeterminado, também não há uma expressão explícita na frase para indicar quem foi o sujeito. Além disso, não se sabe quem realizou a ação (diferentemente do sujeito oculto, quando sabemos quem realizou). Para isso, o verbo aparece conjugado na 3ª pessoa do plural. Veja:

Levaram o meu cachorro para passear.

Agora, não se sabe quem levou o cachorro para passear. Por isso, o sujeito é indeterminado. Veja mais exemplos de sujeito indeterminado:

Telefonaram várias vezes durante a tarde.

Dizem coisas boas sobre o novo restaurante.

Viram você feliz no parquinho.

Amanhã, mandarão esse presente para nós!

Escreveram isso de forma anônima na internet.

Veja também: Quais podem ser as posições do sujeito na oração?

Oração sem sujeito

Algumas orações não têm sujeito, pois a ação do verbo não é realizável por ninguém. Geralmente, são orações que indicam algum fenômeno natural, do clima, horários ou a existência de algo. Veja:

Esfriou bastante ontem.

São oito horas da manhã.

Havia alguns pacotes de biscoito em cima da mesa... Cadê?

Exercícios resolvidos sobre os tipos de sujeito

Questão 1

Leia a frase a seguir e diga qual é a classificação do sujeito ou se se trata de uma oração sem sujeito.

Nós e vocês podemos brincar juntos amanhã.

A) Sujeito simples

B) Sujeito composto

C) Sujeito oculto

D) Sujeito indeterminado

E) Oração sem sujeito

Resolução:

Alternativa B

É um sujeito composto, já que há duas expressões indicando o sujeito da frase: “nós” e “vocês”.

Questão 2

Leia a frase a seguir e diga qual é a classificação do sujeito ou se se trata de uma oração sem sujeito.

Acabei me atrasando para a escola…

A) Sujeito simples

B) Sujeito composto

C) Sujeito oculto

D) Sujeito indeterminado

E) Oração sem sujeito

Resolução:

Alternativa C

A frase tem um sujeito oculto: “eu”.

Fontes

AZEREDO, José Carlos de. Gramática Houaiss da Língua Portuguesa. São Paulo: Parábola, 2021.

BECHARA, Evanildo. Moderna Gramática Portuguesa. 38ª ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2015.

CEGALLA, Domingos Paschoal. Novíssima Gramática da Língua Portuguesa. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2020.

CUNHA, Celso; CINTRA, Lindley. Nova Gramática do Português Contemporâneo. 7ª ed. Rio de Janeiro: Lexikon, 2016.

Por Guilherme Viana

Você pode se interessar também

Português

Classificação do predicado

Português

Conceito de frase, oração e período

Português

Oração: Sujeito e Predicado

Português

Posições do sujeito na oração

Últimos artigos

Brincadeiras juninas

As brincadeiras juninas são uma das partes mais divertidas da Festa Junina. A seguir, você verá dicas de 15 dessas brincadeiras!

Sedentarização

A sedentarização foi o processo por meio do qual os humanos abandonaram o nomadismo, fixando-se em uma localidade.

Comidas de Festa Junina

Algumas comidas de Festa Junina são: a pamonha, o milho cozido, o milho assado, a canjica, o curau, o arroz-doce, a paçoca, o mané pelado, o pé de moleque e o bolo de milho.

Lixiviação

Lixiviação é um processo de degradação do solo que consiste na retirada de seus nutrientes pela percolação da água, o que reduz sua fertilidade e pode levar à desertificação.