Qual matéria está procurando ?

Datas Comemorativas

Datas Comemorativas

1º de janeiro – Dia Mundial da Paz

O Dia Mundial da Paz é uma data comemorativa celebrada mundialmente no primeiro dia do ano, o 1º de janeiro. Foi proposto pelo papa Paulo VI em 1967 e celebrado pela primeira vez em 1968. A data tem como objetivo promover esforços para que as nações se engajem na promoção da paz mundial.

Acesse também: Você sabe quando o Vaticano foi criado?

Quando se celebra o Dia Mundial da Paz?

O Dia Mundial da Paz é celebrado no dia 1º de janeiro de cada ano e, como o nome sugere, é uma comemoração universal e que faz parte do calendário de diversos países. Essa data foi criada por meio de uma sugestão realizada por Paulo VI, papa da Igreja Católica entre 1963 e 1978.

O Dia Mundial da Paz é celebrado anualmente no dia 1º de janeiro.

Aqui no Brasil o Dia Mundial da Paz coincide com outra comemoração que busca promover a união da humanidade: o Dia da Confraternização Universal. Essa data comemorativa, inclusive, é considerada feriado nacional desde a década de 1930, quando Getúlio Vargas estipulou o dia como feriado “consagrado à comemoração da fraternidade universal”|1|.

Quando foi criado o Dia Mundial da Paz?

O Dia Mundial da Paz foi celebrado pela primeira vez em 1º de janeiro de 1968 pela Igreja Católica. A data foi proposta pelo papa Paulo VI em dezembro de 1967, e a intenção era dedicar, simbolicamente, o primeiro dia do ano à manutenção da paz em todo o mundo. A proposta não tinha intenção de criar uma celebração exclusivamente católica, mas, sim, que abraçasse todos os credos e povos.

A data pretendia promover sentimento de paz e da união entre os povos, sobretudo por conta do contexto em que ela surgiu. Na década de 1960, o planeta vivia o auge da tensão causada pela polarização da Guerra Fria. A corrida armamentista e a ameaça de uma guerra nuclear entre soviéticos e norte-americanos, por exemplo, serviam de inspiração para que as ideias de paz ganhassem força.

O papa Paulo VI foi o idealizador do Dia Mundial da Paz, no final de 1967.[1]
O papa Paulo VI foi o idealizador do Dia Mundial da Paz, no final de 1967.[1]

Como mencionado, a primeira celebração dessa data comemorativa aconteceu em janeiro de 1968 e nela Paulo VI já manifestava sua intenção:

A proposta de dedicar à Paz o primeiro dia do novo ano não tem a pretensão de ser qualificada como exclusivamente nossa, religiosa ou católica. Antes, seria para desejar que ela encontrasse a adesão de todos os verdadeiros amigos da Paz, como se se tratasse de uma iniciativa sua própria|2|.

Quando se fala paz na proposta de Paulo VI, não se fala exclusivamente de um mundo sem guerras, mas sim da promoção de um mundo com menos miséria e menos desigualdade social, um mundo onde todos tenham os cuidados médicos necessários, alimentos, acesso à diversão e lazer, etc. É uma data que convida pessoas e autoridades a refletirem sobre ações promotoras da paz.

Acesse também: Dia de Reis, uma das celebrações religiosas mais populares de janeiro

Cerimônias

Em 2020, o papa Francisco I discursou o seguinte tema: “A Paz como caminho de esperança: diálogo, reconciliação e conversão ecológica”.[2]

Todos os anos a Igreja Católica celebra no Vaticano uma cerimônia por conta do Dia Mundial da Paz. Essa cerimônia conta com um discurso do pontífice e, em cada edição, um novo tema é abordado. Obviamente, os temas sempre debatem formas de promover a paz e são pronunciados pelo próprio papa.

Os três últimos temas, anunciados pelo papa Francisco I, foram os seguintes:

  • 2018 – Migrantes e refugiados: homens e mulheres em busca da Paz;
  • 2019 – A boa política está ao serviço da Paz;
  • 2020 – A Paz como caminho de esperança: diálogo, reconciliação e conversão ecológica.

Os outros três papas a discursar no Dia Mundial da Paz, além de Francisco I, foram Bento XVI, João Paulo II e o idealizador da data, Paulo VI. Alguns dos temas abordados por esses papas durante o 1º de janeiro foram os seguintes:

Ano

Papa

Tema

1968

Paulo VI

O Dia da Paz

1969

Paulo VI

A promoção dos direitos do homem, caminho para a Paz

1989

João Paulo II

Para construir a Paz, respeita a consciência do homem

2004

João Paulo II

Um compromisso sempre atual: educar para a Paz

2008

Bento XVI

Família humana: comunidade de Paz

2012

Bento XVI

Educar os jovens para a Justiça e para a Paz

Notas

|1| Lei nº 108, de 29 de outubro de 1935. Para acessar, clique aqui.

|2| Mensagem de Sua Santidade Papa Paulo VI para a celebração do I Dia Mundial da Paz. Para acessar, clique aqui.

Créditos das imagens

[1] Olga Popova e Shutterstock

[2] Riccardo De Luca – Update e Shutterstock

Por Daniel Neves Silva

Você pode se interessar também

Datas Comemorativas

25 de dezembro – Dia de Natal

História

Declaração Universal dos Direitos Humanos

História

Guerra Fria

Geografia

ONU

Últimos artigos

Hipérbole

A hipérbole é uma figura de linguagem que usa, de propósito, o exagero nas expressões para dar ênfase ao discurso. Ela é classificada como figura de pensamento.

Período Neolítico

Período Neolítico é um dos períodos da Pré-História, profundamente marcado pela sedentarização do humano, uma consequência do desenvolvimento da agricultura.

Predatismo

Predatismo ou predação é uma relação ecológica estabelecida entre indivíduos de espécies diferentes, na qual um organismo serve de alimento para outro.

Amensalismo

Amensalismo é uma relação ecológica em que uma das espécies envolvidas inibe o crescimento ou a reprodução de outra. Um exemplo dessa interação é a maré vermelha.