Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Hiena

Hiena é um animal encontrado na África e na Ásia, bastante conhecido por seu hábito de se alimentar de carniça. Existem atualmente três espécies diferentes de hienas.

Hienas são animais encontrados em regiões da África e Ásia. Hienas são animais encontrados em regiões da África e Ásia.

Hiena é um mamífero da família Hyaenidae que ocorre em regiões da África e Ásia. É um animal carnívoro que pode caçar seu próprio alimento, mas também se alimentar de carniça. Possui uma mandíbula poderosa que lhe confere uma mordida capaz até mesmo de quebrar ossos. Uma característica marcante em todas as hienas é a presença de membros anteriores mais longos que os posteriores.

Atualmente, há três espécies de hienas viventes: hiena-marrom (Hyaena brunnea), hiena-listrada (Hyaena hyaena) e hiena-malhada (Crocuta crocuta). Essas espécies diferenciam-se, por exemplo, no que diz respeito à sua forma de reprodução e organização social.

Leia também: Elefante-africano — animal que pode comer até 150 kg de alimento em um dia

Resumo sobre hiena

  • As hienas são mamíferos carnívoros pertencentes à família Hyaenidae.

  • Existem três espécies de hienas: hiena-marrom (Hyaena brunnea), hiena-listrada (Hyaena hyaena) e hiena-malhada (Crocuta crocuta).

  • Ocorrem na África e Ásia.

  • São animais de grande e médio porte que apresentam como característica marcante a presença de membros dianteiros compridos.

  • Possuem mandíbula bem desenvolvida.

  • A hiena-malhada é a espécie que apresenta organização social mais complexa dentre as hienas.

  • Hienas são conhecidas por comerem carniça e roubarem alimentos de outros predadores, entretanto, são também animais caçadores.

Características da hiena

As hienas são mamíferos pertencentes à família Hyaenidae. Nessa família estão presentes quatro espécies diferentes, sendo três espécies popularmente conhecidas como hienas e uma espécie conhecida como protelo ou lobo-da-terra (Proteles cristata). No que diz respeito às espécies conhecidas como hiena, há:

  • hiena-marrom (Hyaena brunnea);

  • hiena-listrada (Hyaena hyaena);

  • hiena-malhada (Crocuta crocuta).

A hiena-marrom apresenta uma pelagem longa e escura ao longo do corpo e listras em suas pernas.

As hienas são animais que apresentam cauda espessa, orelhas arredondadas ou pontudas e mandíbulas desenvolvidas que lhes conferem uma mordida cerca de três vezes mais forte que a de um rottweiler.

Além disso, possuem uma cabeça grande, e seus membros dianteiros e traseiros apresentam comprimentos diferentes, sendo os membros dianteiros mais longos que os traseiros. Essa diferença entre o tamanho dos membros faz com que as hienas apresentem uma aparência inclinada.

A pelagem varia entre as espécies:

  • na hiena-malhada, observa-se a presença de pelos de cor cinza-amarelada, com manchas escuras sobre a maior parte do corpo;

  • no caso da hiena-listrada, a coloração varia do cinza ao palha, e é possível observar a presença de listras pretas na região do tronco, pernas e cabeça;

  • na hiena-marrom, há uma pelagem longa que varia do marrom escuro ao preto, e suas pernas apresentam listras.

As hienas são animais de médio a grande porte que podem pesar até 80 kg. A hiena-malhada se destaca como a maior hiena, com um comprimento de cerca de 95 cm a 150 cm e uma massa que pode variar entre 45 kg e 80 kg. A espécie apresenta fêmeas mais pesadas que os machos.

As hienas-marrons possuem comprimento variando entre 130 cm e 160 cm e massa média de 40,7 kg, variando entre 34,2 kg e 72,6 kg. No caso das hienas-listradas, a massa varia entre 25 kg e 45 kg, e o comprimento médio é de um metro.

  • Videoaula sobre mamíferos

Comportamento das hienas

As hienas-marrons e hienas-malhadas vivem em grupos denominados clãs. O tamanho do grupo pode variar, estando relacionado com a quantidade de presas disponíveis no local em que se encontra. Em territórios onde as presas são abundantes, os grupos de hienas-malhadas podem atingir mais de 100 animais.

As hienas-malhadas se destacam por possuírem a organização social mais complexa dentre as hienas. Nessa espécie, o clã é comandado por uma fêmea alfa, e as outras fêmeas também dominam os machos. Por sua vez, as hienas-listradas são consideradas uma espécie solitária, sendo raramente observada em grupos.

A hiena-listrada raramente é observada em grupos.

Hienas se comunicam de diferentes formas, como:

  • marcando seu território com odores;

  • emitindo sons;

  • cheirando umas às outras como sinal de saudação.

As hienas-malhadas, por exemplo, apresentam grande capacidade de vocalização e emitem sons que lembram uma risada. Essas risadas tornaram a espécie muito famosa e, geralmente, o riso da hiena está relacionado a medo ou a excitação.

Habitat das hienas

As hienas são animais que podem ser encontrados na África e Ásia. Seu habitat de preferência varia de acordo com a espécie.

  • As hienas-malhadas são encontradas em várias regiões da África, ocupando diferentes ambientes, como savanas, florestas montanhosas e hábitats abertos e secos.

  • As hienas-listradas são observadas em regiões da África e Ásia e ocorrem, principalmente, em hábitats abertos ou regiões com arbustos espinhosos em áreas áridas e semiáridas.

  • As hienas-marrons se destacam como uma espécie endêmica do sul da África e preferem áreas de pastagens áridas a semiáridas e regiões de savana.

Alimentação das hienas

Conhecidas principalmente por se alimentarem de carniça, as hienas são animais carnívoros que podem roubar alimento de outros grandes predadores, como os leões. Entretanto, as hienas-malhadas, por exemplo, são também caçadoras habilidosas, sendo capazes de capturar grandes presas, como búfalos e até mesmo filhotes de elefantes.

Hienas são animais carnívoros.

Vale destacar que, muitas vezes, os leões também roubam as presas abatidas por hienas. No caso da hiena-marrom, a espécie é considerada oportunista, não costumando caçar presas vivas. Entretanto, a curta distâncias, pode perseguir e capturar mamíferos e aves. Essa espécie é conhecida por se alimentar de praticamente tudo que encontra, ajudando, desse modo, na limpeza da área em que vive.

Veja também: Gaivota — ave considerada oportunista em sua alimentação

Reprodução das hienas

Devido às particularidades de cada espécie, trataremos da reprodução de cada hiena separadamente.

  • Reprodução das hienas-marrons

As hienas-marrons exibem diferentes comportamentos de acasalamento. O primeiro sistema de acasalamento consiste em um macho alfa acasalando com todas as fêmeas do grupo que estão sexualmente receptivas. Esse sistema só ocorre quando o alfa do clã é um indivíduo não relacionado de outro clã.

O outro sistema consiste em fêmeas acasalando-se com um ou mais machos nômades que entram no território do grupo. Nesse caso, uma fêmea pode acasalar com vários machos diferentes.

As hienas-marrons apresentam uma gestação que dura, em média, 97 dias e podem dar à luz de um a cinco filhotes. As fêmeas os amamentam até que eles atinjam pelo menos dez meses, sendo que outras fêmeas lactantes também podem ajudar no processo.

Antes de se tornarem independentes, os filhotes recebem comida trazida pelos membros do grupo, o que inclui machos e fêmeas. Os machos alfa, além de levarem comida, protegem seus filhotes de predadores. Sendo assim, na espécie é observado cuidado parental masculino.

  • Reprodução das hienas-malhadas

As hienas-malhadas foram, por muito tempo, consideradas hermafroditas.

No caso das hienas-malhadas, o sistema de acasalamento é poligínico, ou seja, os machos acasalam-se com várias fêmeas. Uma característica marcante da hiena-malhada é o fato de que as fêmeas são muito masculinizadas, com uma genitália que se assemelha à do macho. Nessa espécie, a fêmea apresenta um clitóris aumentado que lembra um pênis.

Além disso, possuem bolsas de tecido fibroso na região genial que lembra um saco escrotal. A fêmea da espécie não possui uma vagina externa e dá à luz, acasala e urina por meio do pseudopênis. Essa característica fez com que as hienas fossem conhecidas, por muito tempo, como animais hermafroditas, porém hoje sabemos que essa não é uma verdade.

Seu período de gestação é de quatro meses, e as fêmeas, normalmente, dão à luz gêmeos. Elas amamentam seus filhotes com um leite altamente nutritivo e, a princípio, não toleram outras hienas próximas, sendo muito protetoras com sua prole. Nessa espécie, o pai não desempenha nenhum cuidado parental.

  • Reprodução da hiena-listrada

No caso das hienas-listradas, não há estudos detalhando o comportamento sexual da espécie. A gestação dura de 88 a 92 dias e nascem de um a seis filhotes por ninhada. Após o nascimento, a mãe amamenta por cerca de 12 meses e já a partir de um mês de idade do filhote, ela começa a trazer comida para a toca.   

Por Vanessa Sardinha dos Santos

Você pode se interessar também

Ciências

Elefante-africano

Ciências

Leão

Ciências

Mamíferos

Geografia

Países da África

Últimos artigos

Epiglote

Epiglote é uma estrutura cartilaginosa que atua como uma válvula. Essa válvula se fecha durante o ato de engolir, impedindo que o alimento entre na via respiratória.

Héstia

Héstia era uma divindade presente nos mitos gregos, considerada a personificação da lareira. Era a deusa do lar, da hospitalidade e da vida doméstica.

Papiro

Papiro é uma planta aquática que era encontrada ao longo do rio Nilo e utilizada para a fabricação de uma superfície para registro de textos.

Hades

Hades era um dos deuses mais tradicionais de toda a mitologia grega, conhecido como senhor do submundo, local para onde iam as almas dos mortos para os gregos.