Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Elefante-africano

Saiba mais sobre o elefante-africano, a maior espécie de mamífero terrestre existente em nosso planeta.

A tromba do elefante ajuda o animal a pegar alimento e beber água A tromba do elefante ajuda o animal a pegar alimento e beber água

Os elefantes-africanos (Loxodonta africana) são os maiores mamíferos terrestres. Apresentam cerca de oito metros de comprimento, quatro metros de altura e impressionantes sete toneladas de massa. Os incríveis dados, no entanto, não param por aí. Que tal conhecer mais sobre essa maravilhosa espécie?

Principais características

Os elefantes-africanos são animais de coloração, normalmente, cinza e pele bastante espessa com poucos pelos. Possuem corpo bastante pesado, que se apoia sobre pernas grossas e pés largos. Possuem grandes presas na mandíbula superior, que crescem por toda a vida do animal e recebem o nome de marfim.

Uma das características mais marcantes do elefante-africano é a presença da tromba. Essa estrutura, longa e flexível, pode pesar até 200 kg e ajuda o animal a sentir odores e segurar objetos. É também por meio da tromba que ele consegue pegar o alimento e levar água até a boca. Suas orelhas também impressionam, podendo alcançar até metade da altura do animal.


O elefante é o maior mamífero terrestre do planeta

Habitat e hábitos de vida

Os elefantes-africanos estão distribuídos pelo continente africano, sendo encontrados em áreas de florestas, campos, savanas e desertos. São animais que vivem em grupos, os quais são liderados pela fêmea mais velha. São ativos durante o dia e comunicam-se por sons de baixa frequência.

Esses animais são herbívoros e comem de 70 a 150 kg de comida diariamente. Seu alimento favorito sãos as acácias, plantas que se destacam pela presença de grandes espinhos.

Reprodução do Elefante

A maturidade sexual do elefante é atingida quando eles completam entre 8 e 12 anos de idade. A gestação do elefante, assim como as suas outras características, também impressiona, uma vez que a fêmea passa quase dois anos gerando seu filhote (22 meses). Quando nasce, um filhotinho de elefante já apresenta 115 kg e mede, em média, 100 cm de altura. Apesar de seu tamanho, o novo elefante é protegido por outras fêmeas do grupo.

Expectativa de vida

Os elefantes-africanos estão entre os animais mais longevos do planeta. Na vida selvagem, esse mamífero vive, em média, 56 anos. Infelizmente, em cativeiro, os elefantes vivem apenas 17 anos.

A caça predatória

A caça predatória é uma das maiores ameaças ao elefante-africano. Em muitos lugares, esses animais são mortos para a retirada do marfim e venda no comércio, que é ilegal.

A caça está diminuindo cada dia mais o número de espécies na África. O elefante-africano já está perto da triste lista de animais extintos do planeta. Atualmente, os elefantes estão classificados como vulneráveis na lista de espécies ameaçadas.

Curiosidade: Você sabia que existem duas espécies de elefante no planeta? Além do elefante-africano, existe o elefante-asiático (Elephans maximus). Ambos pertencem à família Elephantidae.


Por Ma. Vanessa dos Santos

Por Vanessa Sardinha dos Santos

Você pode se interessar também

Ciências

Ameaça aos elefantes pela caça ao marfim

Ciências

Animais domésticos e silvestres

Ciências

Animais herbívoros

Ciências

Girafas

Últimos artigos

Crise de 1929

A Crise de 1929 foi a maior crise econômica da história dos Estados Unidos e do capitalismo. Foi iniciada pela quebra da Bolsa de Valores de Nova York.

Retângulo

O retângulo possui quatro lados e todos os ângulos internos medindo 90°. Essa forma geométrica está muito presente no cotidiano, como na face de caixas e nas paredes.

Paralelepípedo

O paralelepípedo é um sólido geométrico que possui todas as faces com paralelogramos. Essa forma pode ser percebida nos prédios e em caixas de sapatos.

Hiena

Hiena é um animal encontrado na África e na Ásia, bastante conhecido por seu hábito de se alimentar de carniça. Existem atualmente três espécies diferentes de hienas.