Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Coração dos vertebrados

Aprenda como é o coração em cada grupo dos vertebrados e saiba mais sobre esse órgão que impulsiona o sangue no organismo desses seres.

O coração é um órgão importante para os animais, por impulsionar o sangue para todas as partes do corpo. Ao fazer isso, o coração garante que nutrientes e oxigênio cheguem a todas as células e que o gás carbônico e substâncias desnecessárias sejam eliminadas do organismo.

Apesar de todos os animais vertebrados possuírem coração, existem diferenças básicas entre eles. A seguir, aprenderemos a diferença entre o coração dos peixes, dos anfíbios, dos répteis, das aves e dos mamíferos.

Coração dos peixes

O coração dos peixes é o mais simples de todos os vertebrados. Ele possui apenas duas câmeras: um átrio e um ventrículo. Por esse coração, passa apenas sangue rico em gás carbônico, que segue somente uma direção, avançando desse órgão em direção às brânquias, onde é oxigenado e, então, direciona-se para todas as partes do corpo, retornando ao coração novamente rico em gás carbônico.

Coração dos anfíbios

O coração dos anfíbios apresenta-se um pouco mais complexo do que o dos peixes. Nele, são observadas três cavidades diferentes: dois átrios e um ventrículo. No átrio esquerdo, o animal recebe sangue rico em oxigênio e, do lado direito, rico em gás carbônico. O sangue rico em oxigênio vem do pulmão para o coração, e o rico em gás carbônico está vindo do restante do corpo. No ventrículo, esses tipos de sangue encontram-se, porém não há uma mistura completa dos dois.


Diferenças entre o coração dos vertebrados

Coração dos répteis

O coração dos répteis é complexo e diferencia-se em crocodilianos e não crocodilianos. Nos crocodilianos, existem quatro câmeras: dois átrios e dois ventrículos. O sangue rico em oxigênio não entra em contato com o sangue rico em gás carbônico dentro do coração, porém, isso ocorre em uma comunicação de artérias na saída desse órgão. Nos répteis não crocodilianos, por sua vez, verifica-se a presença de apenas dois átrios e um ventrículo. Essa última cavidade está apenas parcialmente dividida. Nesse caso, o encontro dos dois tipos de sangue ocorre no coração.

Coração das aves e dos mamíferos

Aves e mamíferos apresentam a mesma estrutura do coração: quatro cavidades distintas. No coração desses animais, existem dois átrios e dois ventrículos, e não acontece a mistura do sangue rico em gás carbônico com o rico em oxigênio. Do lado direito, verifica-se apenas sangue rico em gás carbônico, enquanto, do lado esquerdo, há sangue rico em oxigênio.

Veja também: Circulação dos vertebrados.

O coração humano é diferente do coração de peixes, anfíbios e répteis O coração humano é diferente do coração de peixes, anfíbios e répteis
Por Vanessa Sardinha dos Santos

Você pode se interessar também

Ciências

Anfíbios

Ciências

Aves

Ciências

Circulação dos vertebrados

Ciências

Coração

Últimos artigos

Pau-brasil

Pau-brasil foi o primeiro artigo que os portugueses exploraram durante a colonização. Era uma madeira conhecida por permitir a fabricação de um corante avermelhado.

Deuses gregos

Os deuses gregos formavam o chamado panteão da religião dos gregos. Na crença grega, eram imortais, mas tinham forma humana e sentimentos comuns aos dos humanos.

Macacos

Macacos são animais mamíferos da ordem dos primatas que, geralmente, são encontrados vivendo em grupos, os quais apresentam comportamento social.

Tutu

Tutu, no folclore brasileiro, é reconhecido como um monstro disforme que é muito associado com o bicho-papão, o monstro devorador de crianças.