Qual matéria está procurando ?

Matemática

Matemática

Relação fundamental da subtração

Compreenda como é estabelecida a relação fundamental da subtração. Clique aqui!

Na subtração, efetuamos a diferença do minuendo pelo subtraendo Na subtração, efetuamos a diferença do minuendo pelo subtraendo

Para subtrairmos números naturais, que é um conjunto numérico com termos positivos, o primeiro termo (minuendo) sempre deve ser maior que o segundo (subtraendo). Vale destacar ainda que a subtração de um número natural sempre forma um número natural. Podemos representar a subtração pelo algoritmo descrito a seguir:

a → minuendo
- b → subtraendo
c → diferença


Em que sempre: a > b (a maior ou igual a b)

Veja alguns exemplos:

Exemplo 1: Obtenha a diferença de 25 – 5.

Como 25 é maior que 5 (25 > 5), essa subtração (25 - 5) existe para o conjunto dos números naturais.

25 → minuendo
 - 5 → subtraendo
20 → diferença

Exemplo 2: Faça a subtração de 35 – 12.

Sendo 35 maior que 12 (35 > 12), a subtração (35 - 12) existe para o conjunto dos números naturais.

35 → minuendo
-12 → subtraendo
23 → diferença

Para verificarmos se efetuamos a subtração de dois números de foma correta, basta realizar a operação inversa à subtração, ou seja, o cálculo da adição. Ao realizar essa confirmação, estamos aplicando a relação fundamental da subtração, que se baseia na equivalência.

  • Relação fundamental da subtração

É uma relação de equivalência (⇔ ) entre a adição e a subtração. Acompanhe:

minuendo – subtraendo = diferença ⇔ subtraendo + diferença = minuendo

Vamos exemplificar essa relação por meio de alguns exemplos:

Exemplo 3: Resolva as subtrações abaixo e verifique pela relação fundamental se o cálculo realizado está correto:

a) 97 – 34 =

Como 97 é maior que 34 (97 > 34), a subtração (97 - 34) existe para o conjunto dos números naturais.

97 → minuendo
- 34 → subtraendo
63 → diferença

Agora que realizamos a subtração, devemos verificar se o resultado obtido está correto. Para isso, aplicaremos a relação fundamental, que é dada pelo inverso da subtração, isto é, a soma. Acompanhe:

minuendo – subtraendo = diferença

97 – 34 = 63

subtraendo + diferença = minuendo

34 + 63 = 97

Observe que, ao aplicar a soma do subtraendo com a diferença, obtemos o valor do minuendo como resposta. Sendo assim, provamos que 63 é, de fato, o resultado da subtração de 97 e 34.

b) 19 – 9 =

Como 19 é maior que 9 (19 > 9), a subtração (19 – 9) existe para o conjunto dos números naturais.

19→ minuendo
- 9 → subtraendo
10 → diferença

Vamos verificar se o resultado obtido está correto. Acompanhe:

minuendo – subtraendo = diferença

19 – 9 = 10

subtraendo + diferença = minuendo

9 + 10 = 19

Ao aplicar a soma do subtraendo com a diferença, obtemos o valor do minuendo como resposta. Com isso, provamos que 10 é, de fato, o resultado da subtração de 19 e 9.


Por Naysa Oliveira
Graduada em Matemática

Por Naysa Crystine Nogueira Oliveira

Você pode se interessar também

Matemática

Adição

Matemática

Divisão

Matemática

Operação da Multiplicação

Matemática

Propriedades da adição

Últimos artigos

Crise de 1929

A Crise de 1929 foi a maior crise econômica da história dos Estados Unidos e do capitalismo. Foi iniciada pela quebra da Bolsa de Valores de Nova York.

Retângulo

O retângulo possui quatro lados e todos os ângulos internos medindo 90°. Essa forma geométrica está muito presente no cotidiano, como na face de caixas e nas paredes.

Paralelepípedo

O paralelepípedo é um sólido geométrico que possui todas as faces com paralelogramos. Essa forma pode ser percebida nos prédios e em caixas de sapatos.

Hiena

Hiena é um animal encontrado na África e na Ásia, bastante conhecido por seu hábito de se alimentar de carniça. Existem atualmente três espécies diferentes de hienas.