Qual matéria está procurando ?

Matemática

Matemática

Dízima periódica

A dízima periódica é um número que possui sua parte decimal infinita e periódica, isto é, em sua parte decimal, há um número que se repete infinitamente. Considerada um número racional, ela pode ser representada como uma fração, que é chamada de fração geratriz. Também pode ser simples ou composta.

Leia também: Divisão de frações

Representação da dízima periódica

Além da forma de fração, conhecida como fração geratriz, a dízima periódica pode ser representada como um número decimal de duas maneiras. Podemos inserir, ao final do número, reticências ( … ) ou podemos colocar um traço acima do seu período (parte que se repete na dízima), logo uma mesma dízima pode ser representada de dois jeitos. Exemplos:

A dízima periódica é um número que possui sua parte decimal infinita e periódica.

Dízima periódica simples

Uma dízima periódica simples possui uma parte inteira (que vem antes da vírgula) e o período, que vem depois da vírgula.

Exemplos:

1,333…
1→ parte inteira
3 → período

0,76767676…
0 → parte inteira
76 → período

Dízima periódica composta

Uma dízima periódica composta possui parte inteira (que vem antes da vírgula), parte não periódica e período, que vem depois da vírgula. O que diferencia uma dízima periódica simples de uma composta é que, na simples, só há o período depois da vírgula; na composta, existe uma parte que não se repete depois da vírgula.

Exemplos:

1,5888…
1 → parte inteira
5 → parte não periódica
8→ período

32,01656565…
32 → parte inteira
01 → parte não periódica
65 → período

Leia também: Números decimais – aprenda a realizar operações matemáticas com esses números

Fração geratriz

Encontrar a fração que gera a dízima nem sempre é uma tarefa fácil. Precisamos dividir em dois casos: quando a dízima é simples e quando ela é composta. Para encontrar a fração geratriz, utilizamos uma equação.

Fração geratriz de uma dízima periódica simples

Exemplo:

- Vamos encontrar a fração geratriz da dízima 1,353535…

Seja x = 1,353535…, como essa dízima possui 2 números no seu período (35), vamos multiplicar x por 100. Então,

100x = 135,3535…

Agora realizando a subtração,

Existe um método prático para encontrarmos a fração geratriz de uma dízima periódica simples que evita a construção de equações. Vamos encontrar novamente a fração geratriz da dízima 1,353535…, porém pelo método prático.

  • 1º passo: identificar período e parte inteira.

Parte inteira → 1
Período → 35

  • 2º passo: encontrar o numerador.

O numerador é o número formado pela parte inteira e o período (no exemplo, é 135) menos a parte inteira, ou seja:

135 – 1 = 134

  • 3º passo: encontrar o denominador.

Para isso, vamos avaliar quantos números têm no período da dízima, e, para cada número, acrescentaremos o número 9 no denominador. Como nesse caso há dois números, o denominador é 99. Logo, a fração geratriz é:

Fração geratriz de uma dízima periódica composta

Um pouco mais complicada de se encontrar, a fração geratriz de uma dízima periódica composta pode ser determinada também por meio de uma equação.

Exemplo:

- Vamos encontrar a fração geratriz da dízima 2,13444...

Seja x = 2,13444…. vamos multiplicar por 100 para que, após a vírgula, fique somente a parte periódica. Então,

100x = 213,444….

Por outro lado, sabemos que 1000x= 2134,444….

Agora faremos a subtração:

Para a dízima periódica composta, também existe um método prático, que vamos usar para encontrar a fração geratriz da dízima periódica composta 2,13444…

  • 1º passo: identificar as partes da dízima periódica.

Parte inteira→ 2
Parte não periódica → 13
Período →4

  • 2º passo: encontrar o numerador.

Para calcular o numerador, vamos escrever o número formado pela parte inteira, parte não periódica e período, ou seja, 2134 menos a parte inteira e a parte não periódica, ou seja, 213.

2134213 = 1921

  • 3º passo: encontrar o denominador.

No denominador, para cada número no período, acrescentamos um 9 e, para cada número na parte não periódica, um 0. No exemplo, o denominador é 900.

A fração geratriz é:

Leia também: Divisão com vírgula – como fazer?

Exercícios resolvidos

1) Dos números a seguir, assinale aquele que corresponde a uma dízima periódica composta.

a) 3,14159284…

b) 2,21111

c) 0,3333….

d) 1,21111….

Resolução:

Alternativa D.

Analisando as alternativas, temos que:

a) É uma dízima não periódica. Perceba que, por mais que seja infinita, não há como prever os próximos números.

b) Não é uma dízima.

c) É uma dízima periódica simples.

d) Verdadeira, pois é uma dízima periódica composta.

2) A fração geratriz da dízima 12,3727272… é ?

a) 1372/9999

b) 12249/990

c) 12/999

d) 123/990

Resolução:

Pelo método prático, temos que: 12372 – 123= 12249, que será o numerador.

Analisando a parte decimal:

3 → parte não periódica

72 → período

990 denominador

A fração que melhor representa é 12249/990, letra B.

Por Raul Rodrigues de Oliveira

Você pode se interessar também

Matemática

Adição de números decimais

Matemática

Comparando números decimais

Matemática

Fração Geratriz

Matemática

Frações equivalentes

Últimos artigos

Revolta da Armada

Revolta da Armada foi um levante armado organizado por membros da Marinha, em 1893. Esse movimento se deu pela forte oposição da Marinha a Floriano Peixoto.

Símbolos nacionais

Símbolos nacionais são quatro símbolos que, por determinação da nossa lei, representam a nação brasileira.

Guerra do Contestado

Guerra do Contestado foi um conflito que se estendeu de 1912 a 1916 e mesclou insatisfação social com messianismo religioso.

Encontro vocálico

O encontro vocálico ocorre quando uma vogal e uma semivogal aparecem uma depois da outra em uma palavra. Há três tipos de encontro vocálico: o ditongo, o tritongo e o hiato.