Qual matéria está procurando ?

Matemática

Matemática

Polígonos

Polígonos são figuras geométricas planas e fechadas delimitadas por segmentos de reta. Alguns exemplos de polígono são os triângulos, os quadrados e os retângulos.

Exemplos de polígonos. Exemplos de polígonos.

Polígonos são figuras geométricas planas e fechadas formadas por segmentos de reta que se encontram nas extremidades. Cada segmento é um lado do polígono, e o ponto de encontro de dois segmentos adjacentes é um vértice.

Triângulos, quadrados, retângulos, losangos e pentágonos são alguns exemplos de polígonos. Já a circunferência e o círculo não são polígonos, pois são formados por curvas, e não por segmentos de reta.

Leia também: Polígonos inscritos e circunscritos e seus principais elementos e propriedades

Resumo sobre os polígonos

  • Polígonos são figuras geométricas planas com as seguintes características: contornos fechados e formados por segmentos de reta que se encontram somente nas extremidades.
  • Triângulos, quadrados, retângulos, trapézios, pentágonos e hexágonos são exemplos de polígonos.
  • Vértices, lados e ângulos internos são os principais elementos dos polígonos.
  • Perímetro de um polígono é a soma dos lados de um polígono.
  • A área de um polígono é a medida de sua superfície.
  • Em um polígono convexo com n lados, a soma Sn dos ângulos internos é obtida pela expressão

\(S_n=\left(n-2\right)\cdot180°\)

  • A soma dos ângulos externos de um polígono convexo é sempre igual a 360°.

Videoaula sobre polígonos

O que são polígonos?

Polígonos são figuras geométricas planas e fechadas formadas por segmentos de reta que se interceptam apenas nas extremidades. A palavra polígono tem origem grega: póly (vários) e gonía (ângulos). Veja a seguir alguns exemplos de figuras que são polígonos:

Importante: se são considerados polígonos as figuras que possuem as características acima, não são classificadas como polígonos as figuras abertas, fechadas com segmentos que se interceptam fora das extremidades e fechadas de contornos curvos. Veja a seguir alguns exemplos de figuras que não são polígonos:

Quais são os elementos dos polígonos?

Os principais elementos de um polígono são os lados, os vértices e os ângulos internos. Além deles, outros elementos importantes são os ângulos externos e as diagonais. Veja sobre cada um deles a seguir.

  • Vértice: ponto de encontro de dois segmentos de reta adjacentes. Os vértices são representados por letras maiúsculas.
  • Lado: segmento de reta que forma o contorno do polígono. Os lados são representados pelas letras maiúsculas dos respectivos vértices com um traço horizontal acima.
  • Ângulo interno: abertura formada entre dois lados adjacentes. Os ângulos internos são representados pelo respectivo vértice com um acento circunflexo.

Observe o triângulo ABC abaixo, polígono no qual os vértices são A, B e C; os lados são \(\overline{AB},\overline{BC}\) e \(\overline{CA}\); os ângulos são \(\hat{A}\)\(\hat{B}\)\(\hat{C}\) .

  • Ângulos externos: são as aberturas entre um lado do polígono e o prolongamento do lado adjacente.
Ângulos externos de um triângulo

Importante: o número de vértices, lados e ângulos (internos e externos) de um polígono é o mesmo. Assim, um polígono de n lados terá n vértices, n ângulos internos e n ângulos externos.

  • Diagonais: são os segmentos de reta que unem vértices não consecutivos em um polígono com 4 lados ou mais. Veja o quadrado ABCD abaixo, polígono no qual em roxo e em laranja temos suas diagonais:

Classificação dos polígonos

As principais classificações de polígonos são: polígonos convexos e polígonos regulares.

→ Polígono convexo

Polígono convexo é o polígono em que, dados dois pontos que pertencem ao polígono, o segmento que une esses pontos também pertence ao polígono. Na imagem abaixo, o polígono que está à sua esquerda é convexo, enquanto o polígono que está à sua direita não é convexo.

Os pontos R e S pertencem ao segundo polígono, mas o segmento RS não pertence.

→ Polígono regular

Polígono regular é o polígono em que todos os lados e ângulos (internos e externos) são congruentes (ou seja, possuem a mesma medida). Por exemplo, um triângulo regular é chamado de triângulo equilátero e possui 3 ângulos internos de 60°. Na imagem abaixo, o polígono à esquerda é um quadrilátero regular (quadrado), enquanto o polígono à direita é um quadrilátero não regular (nesse caso, um retângulo).

O retângulo não possui todos os lados congruentes.

Nomenclatura dos polígonos

O nome de um polígono de três lados é triângulo e de quatro lados é quadrilátero. Existem diferentes tipos de quadriláteros, como o quadrado, o retângulo, o losango e o trapézio. Já a nomenclatura para polígonos com 5 lados ou mais segue um padrão. A primeira parte do nome se refere à quantidade de lados, e a segunda parte é o termo grego gono. Veja:

5 lados – pentágono

6 lados – hexágono

7 lados – heptágono

8 lados – octógono

9 lados – eneágono

10 lados – decágono

Perímetro dos polígonos

O perímetro de um polígono é a soma das medidas de seus lados.

  • Exemplo:

Os lados de um triângulo medem 3 cm, 4 cm e 5 cm. Qual o perímetro desse polígono?

Resolução:

O perímetro do triângulo é 12 cm, pois

\(3\ +\ 4\ +\ 5\ =\ 12\)

Área dos polígonos

A área de um polígono é a medida de sua superfície. Alguns polígonos simples possuem fórmulas próprias para o cálculo de sua área. A imagem a seguir apresenta algumas dessas expressões.

  • Exemplo:

Qual a área de um terreno retangular com 15 m de comprimento e 12 m de largura?

Resolução:

A área desse terreno é igual a 180 m², pois

\(A_{retângulo}=15m⋅12m=180 m^2\)

Outros polígonos que também possuem fórmulas específicas para o cálculo da área são o trapézio, o losango e os polígonos regulares, como o pentágono regular, hexágono regular, heptágono regular, etc.

Para calcular a área de polígonos menos usuais, devemos repartir sua superfície em formatos mais comuns. Assim, a área do polígono será uma soma de áreas conhecidas.

  • Exemplo:

Calcule a área do polígono abaixo.

Resolução:

Note que esse polígono pode ser repartido em duas regiões: uma superior e uma inferior. A região superior é um retângulo cujos lados medem 2 e 5, e a região inferior é um quadrado de lado 2.

Assim, a área desse polígono é a soma da área do retângulo e da área do quadrado:

\(A=\left(5\cdot2\right)+\left(2^2\right)\)

\(A\ =14\)

Soma dos ângulos internos de um polígono

A soma Sn  dos ângulos internos de um polígono convexo com n lados é dada por:

\(S_n=\left(n-2\right)\cdot180°\)

  • Exemplo:

Qual a soma dos ângulos internos de um pentágono?

Resolução:

Como o pentágono é um polígono com 5 lados, temos

\(S_5=\left(5-2\right)\cdot180°\)

\(S_5=540°\)

Soma dos ângulos externos de um polígono

A soma dos ângulos externos de um polígono convexo é sempre igual a 360°, independentemente do número de lados do polígono.

Veja também: Poliedros — os sólidos geométricos que possuem todas as suas faces formadas por polígonos

Exercícios resolvidos sobre polígonos

Questão 1

O perímetro de um quadrado mede 52 cm. A área desse quadrado é, em cm², igual a

A) 130

B) 169

C) 260

D) 520

E) 676

Resolução:

Alternativa B.

Um quadrado possui quatro lados de tamanho l . Assim,

\(Perímetro=4⋅l\)

\(52\ =\ 4\cdot l\)

\(l=\frac{52}{4}=13 cm\)

Portanto,

\(Área=l^2\)

\(Área=13^2=169 cm^2\)

Questão 2

(Faap) A medida mais próxima de cada ângulo externo do heptágono regular da moeda de R$ 0,25 é:

A) 60°

B) 45°

C) 36°

D) 83°

E) 51°

Resolução:

Alternativa E.

Um heptágono regular possui 7 ângulos externos congruentes. Como a soma dos ângulos é 360°, a medida de cada ângulo externo α  é

\(\alpha=\frac{360°}7≈51,43\)

Fontes

LIMA, E. L. Geometria Analítica e Álgebra Linear. Rio de Janeiro: IMPA, 2014.

REZENDE, E.Q.F.; QUEIROZ, M. L. B. de. Geometria Euclidiana Plana: e construções geométricas. 2ª ed. Campinas: Unicamp, 2008.

Por Maria Luiza Alves Rizzo

Você pode se interessar também

Matemática

Aprendendo com os Blocos Lógicos

Matemática

Classificação dos triângulos

Matemática

Condição de existência de um triângulo

Matemática

Desenhos Geométricos

Últimos artigos

Folclore brasileiro

O folclore brasileiro é o rico conjunto de manifestações de nossa cultura. Mitos, lendas, danças, músicas, brincadeiras e festas populares fazem parte dele.

El Niño

O El Niño é um fenômeno descrito pelo aquecimento anormal das águas do Oceano Pacífico, provocando chuvas volumosas no Sul do Brasil e secas severas no Norte e no Nordeste.

Bicho-papão

Bicho-papão é uma lenda presente no folclore brasileiro que fala de um monstro que sequestra e devora crianças desobedientes. Foi influência portuguesa em nossa cultura.

Queda da Bastilha

A queda da Bastilha foi um acontecimento marcante que se passou em 14 de julho de 1789, marcando o início da Revolução Francesa.