Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Respiração celular

Entenda o que é a respiração celular, um dos processos realizados pelas células com o objetivo de obter energia para suas atividades. Neste texto, explicamos de maneira resumida suas principais etapas, dando ênfase ao local onde cada uma delas ocorre e à quantidade de ATP produzida no final desse processo.

A mitocôndria é uma organela da célula eucarionte onde ocorre parte da respiração celular A mitocôndria é uma organela da célula eucarionte onde ocorre parte da respiração celular

Nossas células precisam de energia para trabalhar de maneira adequada. A maioria das células realiza respiração celular para quebrar moléculas orgânicas e produzir ATP, uma molécula que é capaz de liberar uma grande quantidade de energia. A seguir, falamos um pouco desse processo.

Respiração celular

A respiração celular é um processo em que os organismos vivos conseguem energia a partir de uma molécula orgânica, e a mais comumente utilizada é a glicose. O processo, que necessita de oxigênio, é constituído de três fases: glicólise, ciclo do ácido cítrico e fosforilação oxidativa.

A glicólise é um processo que ocorre no citoplasma da célula, e o ciclo do ácido cítrico e a fosforilação oxidativa, em células eucariontes, acontecem no interior de uma importante organela chamada de mitocôndria. Nos organismos procariontes, o ciclo do ácido cítrico acontece no citoplasma e a fosforilação na membrana plasmática.

  • Glicólise: A glicólise é um processo constituído de 10 reações químicas, em que ocorre a quebra da glicose. Ela é quebrada em duas moléculas chamadas de piruvato. No final desse processo, têm-se duas moléculas de ATP.

  • Ciclo do ácido cítrico ou ciclo de Krebs: O piruvato entra na mitocôndria e sofre uma reação química, dando origem a um composto chamado de acetil-CoA. Esse composto é o que entra no chamado ciclo do ácido cítrico. Esse ciclo consiste em oito reações que produzem importantes compostos, como quatro moléculas de gás carbônico e duas moléculas de ATP.

  • Fosforilação oxidativa: Esse é o processo final da respiração celular e caracteriza-se por uma grande síntese de ATP. Nessa etapa, podem ser formadas cerca de 26 ou 28 moléculas de ATP.

Na respiração celular, portanto, observa-se que a glicose é responsável pela formação de 30 ou 32 moléculas de ATP, molécula que funciona como uma moeda de energia para a célula. Esse ATP será fundamental para a realização das atividades celulares.


Aproveite para conferir nossa videoaula relacionada ao assunto:

Por Vanessa Sardinha dos Santos

Você pode se interessar também

Ciências

Alvéolos pulmonares

Ciências

Ciclo do carbono

Ciências

Células

Ciências

Células procariontes

Últimos artigos

Brincadeiras juninas

As brincadeiras juninas são uma das partes mais divertidas da Festa Junina. A seguir, você verá dicas de 15 dessas brincadeiras!

Sedentarização

A sedentarização foi o processo por meio do qual os humanos abandonaram o nomadismo, fixando-se em uma localidade.

Comidas de Festa Junina

Algumas comidas de Festa Junina são: a pamonha, o milho cozido, o milho assado, a canjica, o curau, o arroz-doce, a paçoca, o mané pelado, o pé de moleque e o bolo de milho.

Lixiviação

Lixiviação é um processo de degradação do solo que consiste na retirada de seus nutrientes pela percolação da água, o que reduz sua fertilidade e pode levar à desertificação.