Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Pirâmide alimentar

Entenda o que é a pirâmide alimentar e como essa representação gráfica pode ajudar na obtenção de uma alimentação mais saudável e consciente.

Comer bem não é uma tarefa fácil. Muitas pessoas que desejam emagrecer, por exemplo, acreditam que cortar carboidratos e gorduras é fundamental para a perda de peso e que isso é uma atitude saudável. Mas você sabia que todos os nutrientes devem estar em nossa dieta e que, para comer bem, deve-se saber escolher os alimentos e a quantidade correta?

A seguir vamos tratar a respeito da pirâmide alimentar, uma importante representação gráfica que nos orienta sobre como nos alimentar melhor.

O que é e qual é a função da pirâmide alimentar?

A pirâmide alimentar é uma representação gráfica que funciona como um instrumento para garantir a saúde da população, uma vez que orienta a respeito de uma alimentação saudável. O papel principal da pirâmide alimentar é mostrar quais alimentos devem fazer parte da alimentação e quais são as quantidades adequadas de cada alimento.

Quais grupos estão representados na pirâmide alimentar?

Na pirâmide alimentar, é possível observar oito grupos alimentares, os quais estão devidamente acompanhados da recomendação diária. Veja a seguir esses grupos e suas recomendações para uma dieta de 2000 Kcal.

  1. Arroz, pão, massa, batata, mandioca: 6 porções – 900 kcal

  2. Legumes e verduras: 3 porções – 45 kcal

  3. Frutas: 3 porções – 210 kcal

  4. Carnes e ovos: 1 porção – 190 kcal

  5. Leite, queijo e iogurte: 3 porções – 360 kcal

  6. Feijões: 1 porção – 55 kcal

  7. Óleos e gorduras: 1 porção – 73kcal

  8. Açúcares e doces: 1 porção – 110 kcal

Os alimentos que devemos consumir em maior quantidade constituem a base da pirâmide e são formados pelos alimentos do grupo 1. Eles são ricos em carboidratos, alimentos que fornecem energia para nosso corpo e, portanto, devem estar em maior quantidade no organismo. Entretanto, é importante frisar que o ideal é priorizar alimentos integrais.

Os alimentos incluídos mais no ápice da pirâmide são os pertencentes ao grupo 7 e 8. Se ingeridos em grande quantidade, podem causar ganho de peso e, com isso, riscos de doenças, como as cardiovasculares. (Veja também o texto: Riscos de uma alimentação inadequada)

A pirâmide alimentar apresenta apenas informações sobre alimentos?

Apesar do nome sugestivo, na pirâmide alimentar brasileira estão descritas também algumas dicas para hábitos de vida mais saudáveis. Uma dessas dicas é a divisão em três refeições principais e três intermediárias. Segundo essa recomendação, uma pessoa deveria fazer seis refeições: café, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e lanche da noite. Além dessa divisão das refeições, é recomendada a prática de atividades físicas diárias por um período de pelo menos 30 minutos.

A pirâmide alimentar direciona a população a uma alimentação mais saudável A pirâmide alimentar direciona a população a uma alimentação mais saudável
Por Vanessa Sardinha dos Santos

Você pode se interessar também

Ciências

Riscos de uma alimentação inadequada

Ciências

Dicas para uma alimentação saudável

Ciências

Importância das três refeições

Ciências

Alimentação saudável

Últimos artigos

Idade Moderna

Idade Moderna foi um dos períodos da História, iniciando-se em 1453 e finalizando-se em 1789. Foi o período dos regimes absolutistas e do surgimento do capitalismo.

Animais onívoros

Animais onívoros são aqueles que podem alimentar-se de algas ou plantas e também de outros animais. Porcos e baratas são exemplos de animais onívoros.

Réveillon e Ano-Novo

O Réveillon e o Ano-Novo são datas comemorativas de final e início de ano e remetem a comemorações diferentes.

Revolução Praieira

A Revolução Praieira foi a última revolução provincial que aconteceu no Brasil durante o período monárquico e abalou Pernambuco, de 1848 a 1850.