Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Fígado

Saiba mais sobre o fígado, um dos maiores órgãos do corpo humano e o responsável por secretar a bile e eliminar substâncias tóxicas.

O fígado é uma estrutura anexa ao sistema digestório O fígado é uma estrutura anexa ao sistema digestório

O fígado é uma estrutura anexa do sistema digestório e é um dos maiores órgãos do corpo humano, perdendo apenas para a pele. Esse órgão possui um peso aproximado de 1500 g e realiza diversas funções, sendo responsável por secretar a bile, neutralizar substâncias tóxicas, entre outras.

Características gerais do fígado

O fígado está localizado na cavidade abdominal, logo abaixo do diafragma, e apresenta coloração marrom-avermelhada, superfície lisa e um formato de pirâmide. Esse órgão é revestido por tecido conjuntivo, o qual se torna mais espesso no local de entrada da veia porta e artéria hepática e saída dos ductos hepáticos e linfáticos (hilo).

Esse órgão recebe da veia porta sangue rico em gás carbônico e nutrientes, os quais são trazidos de outros órgãos abdominais, como intestino e pâncreas. Também recebe da artéria hepática sangue rico em oxigênio. Podemos concluir que o fígado apresenta suprimento sanguíneo duplo. Os ductos hepáticos que saem do fígado são responsáveis por retirar a bile desse órgão.

O fígado é composto por células que recebem o nome de hepatócitos e que se agrupam e formam placas. Cada hepatócito tem formado poliédrico, um núcleo central esférico e é rico em mitocôndrias, apresentando cerca de duas mil por célula. É possível perceber no fígado a presença de lóbulos hepáticos, que são formados por uma massa de tecido. Os hepatócitos no lóbulo dispõem-se como se fossem tijolos.

Principais funções do fígado

  • Processamento e armazenamento de nutrientes que foram absorvidos no intestino delgado;

  • Síntese de proteínas plasmáticas, como a albumina;

  • Síntese da bile, uma substância que funciona como detergente nas gorduras, facilitando a ação de enzimas que quebram essas moléculas;

  • Eliminação de substâncias tóxicas;

  • Metaboliza medicamentos;

  • Produção de fatores de coagulação.

O fígado é capaz de se regenerar!

O fígado apresenta uma incrível capacidade de regeneração. É comum que o tecido regenerado seja bem organizado e realize adequadamente sua função. Porém, em alguns casos, quando os hepatócitos são lesionados com frequência, observa-se a formação de nódulos, e o tecido regenerado não se apresenta bem organizado. Essa condição é chamada de cirrose, um processo que não pode ser revertido. A cirrose é causada, por exemplo, pelo consumo exagerado do álcool ou até mesmo por doenças como a hepatite.

 

Por Ma. Vanessa dos Santos

Por Vanessa Sardinha dos Santos

Você pode se interessar também

Ciências

Bebidas alcoólicas

Ciências

Câncer

Ciências

Intestino delgado

Ciências

Lipídios

Últimos artigos

Presidente da república

Presidente da república é a autoridade máxima em nosso país. É eleito(a) por meio do voto popular para um mandato de quatro anos.

Porquinho-da-índia

O porquinho-da-índia é um mamífero roedor que possui corpo pequeno e orelhas curtas. Ele pode ser criado como animal de estimação.

Escambo

O escambo é uma modalidade de transação que foi muito comum na Antiguidade. Por meio desse acordo, realiza-se a troca de mercadorias ou serviços.

Nucleotídeo

O nucleotídeo é a subunidade que forma o DNA e o RNA. Cada nucleotídeo é constituído por um grupo fosfato, uma pentose e uma base nitrogenada.