Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Cloroplasto

Saiba mais sobre o cloroplasto, uma organela relacionada com o processo de fotossíntese e que é rica em clorofila!

Os cloroplastos são estruturas discoides ricas em membranas Os cloroplastos são estruturas discoides ricas em membranas

Quando falamos em célula vegetal, algumas características peculiares desse grupo chamam a atenção, como a presença de uma parede celular rica em celulose, a presença de vacúolos de suco celular e os cloroplastos. Essas últimas estruturas são, sem dúvidas, as mais marcantes de uma célula vegetal, uma vez que estão relacionadas com um dos processos mais importantes para a planta: a fotossíntese.

Diante da importância dos cloroplastos, que tal aprendermos um pouco mais sobre essas organelas?

O que é um cloroplasto?

O cloroplasto é uma organela celular presente em células vegetais, principalmente na região da folha das plantas. Essa estrutura é importante para o processo de fotossíntese, além de ser rica em pigmentos do grupo das clorofilas, responsáveis pela cor verde das plantas.

Como é a estrutura dos cloroplastos?

Os cloroplastos apresentam forma de disco e possuem diâmetro de 3 a 10 μm. Eles são envoltos por duas membranas separadas pelo espaço intermembranar. No seu interior, encontra-se a matriz, que é atravessada por membranas dispostas como sacos achatados, denominados de tilacoides. Os tilacoides estão agrupados em alguns pontos como pilhas de moedas, que recebem o nome de grânulo ou grano. Essas pilhas estão conectadas umas às outras por tilacoides que atravessam o estroma, chamados de tilacoides do estroma.

No interior dos cloroplastos, é encontrado material genético (DNA). Esse material difere-se do material encontrado no núcleo celular, apresentando-se circular como aqueles observados em procariontes. Além da presença de DNA, o interior do cloroplasto contém grãos de amido e pequenas gotas de óleo (lipídeo).

Como os cloroplastos surgiram?

Os cloroplastos são organelas que, assim como as mitocôndrias, apresentam características muito semelhantes às dos organismos procariontes. Em virtude da presença de DNA próprio, ribossomos pequenos e um envoltório composto por duas membranas, pesquisadores acreditam que o cloroplasto era um organismo procarionte que foi englobado por uma célula eucarionte e que eles passaram a viver juntos, estabelecendo, com o tempo, uma relação de dependência.

Curiosidade: Uma única célula de uma folha pode conter cerca de 50 cloroplastos.


Aproveite para conferir a nossa videoaula relacionada:

Por Vanessa Sardinha dos Santos

Você pode se interessar também

Ciências

Anatomia da folha

Ciências

Clorofila

Ciências

Células animais e vegetais

Ciências

Fotossíntese

Últimos artigos

Alvéolos pulmonares

Alvéolos pulmonares são estruturas que lembram pequenas bolsas e são onde ocorrem as trocas gasosas. São os responsáveis pelo aspecto esponjoso do pulmão.

Cerebelo

Cerebelo é uma parte do encéfalo e está relacionado, entre outras funções, com a manutenção do nosso equilíbrio, postura e ajuste dos movimentos corporais.

Tríplice Aliança

Tríplice Aliança foi um acordo militar assinado, em maio de 1882, por Alemanha, Áustria-Hungria e Itália, que procuravam se proteger de França e Rússia principalmente.

Raposa

Raposa é um nome popular usado para se referir a alguns representantes da família Canidae, a mesma família dos cães e lobos. São animais onívoros e geralmente solitários.