Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Função referencial

As funções da linguagem e os atos de fala: Saiba mais sobre a função referencial.

 Você já parou para pensar na quantidade de vezes em que nos envolvemos em atos de fala todos os dias? Desde a hora em que acordamos até a hora em que vamos dormir, estamos nos comunicando com nossa família e com nossos amigos. Talvez você ainda não saiba que, por detrás do simples ato de nos comunicar, estão envolvidos fatores linguísticos muito interessantes, que explicam as intenções dos falantes em cada situação de interação verbal.

Para que a comunicação aconteça, é preciso um sistema qualquer de sinais, desde que ele seja organizado e comum às pessoas envolvidas na situação comunicacional. Quando elaboramos nosso discurso, dependendo da intenção e sentido que a ele queremos dar, escolhemos, intuitivamente, uma das funções da linguagem. Esse termo, “funções da linguagem”, foi criado por um importante linguista russo chamado Roman Jackobson, que foi quem primeiro percebeu que na linguagem existem alguns elementos fundamentais à comunicação e assim definiu que seis fatores estão envolvidos nela. São eles:

Função referencial;

Função conativa;

Função fática;

Função poética;

Função emotiva;

Função metalinguística.

Hoje vamos nos aprofundar naquela que é considerada a função mais comum, a função referencial. Quando alguém utiliza essa função em um ato de fala, tem por intenção transmitir ao interlocutor dados da realidade de forma objetiva e precisa, longe de recursos linguísticos como metáforas e vícios de linguagem como a ambiguidade. Ela também é conhecida como função denotativa por ser essa a sua principal característica, ou seja, utilizar a linguagem tal qual ela é em sua essência.

O tempo todo estamos envolvidos em atos de fala, em casa, na escola e sempre onde houver um interlocutor em potencial
O tempo todo estamos envolvidos em atos de fala, em casa, na escola e sempre onde houver um interlocutor em potencial

Vamos conhecer as principais características da função referencial? Observe as marcas linguísticas encontradas em um discurso que emprega essa função:

♦ Texto escrito em terceira pessoa;

♦ Linguagem denotativa;

♦ Frases estruturadas na ordem direta.

Observe um exemplo de função referencial na linguagem verbal:

Uma nova estrada para o turismo de natureza

“Existe um paraíso escondido no interior do país com potencial para tornar-se uma segunda Transpantaneira - a rodovia MT-060. A nova rota é conhecida como Estrada Turística e fica próxima da fronteira entre o Brasil e a Bolívia, em Cáceres, no Mato Grosso. O desafio dessa região é similar ao de muitas área naturais do Brasil: implementar o turismo de natureza para gerar desenvolvimento sócioeconômico e o empoderamento das comunidades locais. Seria possível trilhar esse sonho em uma região tão distante dos grandes centros urbanos?

O Brasil tem em seu território alguns dos ecossistemas mais ricos em biodiversidade do mundo.  O Pantanal, com seus 250 mil quilômetros quadrados de extensão, é um desses exemplos.  Segundo o Fórum Econômico Mundial, o Brasil é o líder em um ranking  de 140 países em belezas naturais. (...)”.

Revista Época. Acesso no dia 11/09/14. Disponível em Época.globo

A função referencial também pode ser encontrada na linguagem não verbal, observe o exemplo:


Os manuais de anatomia fazem parte dos recursos de representação, cuja característica principal é a predominância da função referencial

A função referencial está presente nos textos dissertativos, técnicos, instrucionais, jornalísticos e todos os outros que têm a informação como principal objetivo. Ela é considerada a função mais comum porque a informação é a finalidade maior de todo ato de comunicação. Vale lembrar que em um mesmo texto várias funções podem estar presentes, mas sempre haverá uma função predominante, certo? Bons estudos!


Por Luana Castro
Graduada em Letras 

A função referencial é a mais comum das funções da linguagem e está presente nos atos de fala que têm como intenção comunicar A função referencial é a mais comum das funções da linguagem e está presente nos atos de fala que têm como intenção comunicar
Por Luana Castro Alves Perez

Você pode se interessar também

Português

Função conativa

Português

Função poética

Português

Função emotiva

Português

Função metalinguística

Últimos artigos

Idade Moderna

Idade Moderna foi um dos períodos da História, iniciando-se em 1453 e finalizando-se em 1789. Foi o período dos regimes absolutistas e do surgimento do capitalismo.

Animais onívoros

Animais onívoros são aqueles que podem alimentar-se de algas ou plantas e também de outros animais. Porcos e baratas são exemplos de animais onívoros.

Réveillon e Ano-Novo

O Réveillon e o Ano-Novo são datas comemorativas de final e início de ano e remetem a comemorações diferentes.

Revolução Praieira

A Revolução Praieira foi a última revolução provincial que aconteceu no Brasil durante o período monárquico e abalou Pernambuco, de 1848 a 1850.