Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Função metalinguística

Saiba mais sobre a função metalinguística — função da linguagem que utiliza a língua para analisar a própria língua!

A função metalinguística está entre as seis funções da linguagem. São elas: função referencial, conativa, emotiva, poética, fática e metalinguística A função metalinguística está entre as seis funções da linguagem. São elas: função referencial, conativa, emotiva, poética, fática e metalinguística

Você sabia que as palavras dialogam entre si? Pois é, esse fenômeno curioso recebe o nome de metalinguagem. A função metalinguística, como também é chamada, está entre as seis funções da linguagem e acontece quando usamos o código, que é a língua, para explicar a própria língua. Ficou confuso? Não se preocupe, com os nossos exemplos você vai entender essa história direitinho!

Uma criança pequena, quando já aprendeu a falar e entra na fase de questionar o significado e os conceitos das palavras, exerce a função metalinguística o tempo todo. Ela pergunta sobre o próprio código com frequência, com expressões do tipo “o que é isso” ou “não entendi direito”, entre outras sentenças que revelam o processo de aquisição da linguagem. Ela está aprendendo o significado das palavras, por isso esse tipo de pergunta torna-se corriqueiro.

Nos dicionários também encontramos a função metalinguística em ação: trata-se de um compêndio de palavras que são explicadas através dos verbetes. As gramáticas também fazem uso dessa função, pois utilizam palavras para explicar outras palavras. Quando você analisa e interpreta um texto, você também está fazendo uso da metalinguagem, mesmo que inconscientemente. Mas não é só com a palavra que o fenômeno acontece, ela está presente quando um filme tem por próprio tema o cinema, uma peça de teatro que tem por tema o teatro e em um poema que use as palavras para explicar o processo de criação literária. Observe só um exemplo de metalinguagem:


No poema de Carlos Drummond de Andrade, podemos observar a existência da função metalinguística, pois o poeta discorre sobre o próprio fazer poético

Você percebeu que o poema de Carlos Drummond de Andrade tem como tema o próprio ato de escrever uma poesia? Nele, o poeta tenta encontrar a forma e o verso, descrevendo para o leitor a criação literária. Observe também a função metalinguística em uma tirinha do desenhista Bill Watterson, criador de Calvin e Haroldo:


A função metalinguística está presente nos dicionários, nas gramáticas, nos poemas e até mesmo nas histórias em quadrinhos

Na tirinha, o objeto de análise é a própria história em quadrinhos, pois Calvin faz uma reflexão sobre o trabalho do artista, tecendo uma comparação entre o trabalho de um desenhista de agora e o trabalho de um desenhista de tempos atrás. Viu só? Essa é a função metalinguística, que tem por objetivo analisar o próprio código, ou seja, a língua.


Por Luana Castro
Graduada em Letras

Por Escola Kids

Você pode se interessar também

Português

Carlos Drummond de Andrade

Português

Conhecendo os principais elementos da comunicação

Português

Função conativa

Português

Função emotiva

Últimos artigos

Crise de 1929

A Crise de 1929 foi a maior crise econômica da história dos Estados Unidos e do capitalismo. Foi iniciada pela quebra da Bolsa de Valores de Nova York.

Retângulo

O retângulo possui quatro lados e todos os ângulos internos medindo 90°. Essa forma geométrica está muito presente no cotidiano, como na face de caixas e nas paredes.

Paralelepípedo

O paralelepípedo é um sólido geométrico que possui todas as faces com paralelogramos. Essa forma pode ser percebida nos prédios e em caixas de sapatos.

Hiena

Hiena é um animal encontrado na África e na Ásia, bastante conhecido por seu hábito de se alimentar de carniça. Existem atualmente três espécies diferentes de hienas.