Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Empregando corretamente a letra Z

Descubra em que circunstâncias devemos utilizá-la!

Como você já sabe, a ortografia encontra-se relacionada ao modo correto de grafarmos as palavras. Ela originou-se de uma outra língua existente no passado, assim como tantas outras palavras existentes na Língua Portuguesa, quase sempre advindas do grego ou do latim. Assim sendo, sua composição se constitui de dois radicais gregos: orto= certo, direito + correto e grafo = escrita + o sufixo formador de substantivos “-ia”.

Outro aspecto que se encontra relacionado a ela é o fato de que existem regras próprias para cada caso que utilizamos no nosso dia a dia, ou seja, regras para o “x”, “ch”, “ss”, “ç”, entre tantos outros. Por isso, quando se trata da linguagem escrita, não podemos escrever à nossa própria maneira, pois há um sistema comum a todas as pessoas, ao qual devemos obedecer- chamado de padrão formal da linguagem-, pois é dele que partem todas as normas necessárias a uma escrita de qualidade.

Não há como negar que em determinadas situações nos sentimos presos a algumas dúvidas no que se refere à forma adequada de grafarmos esta ou aquela palavra, principalmente porque algumas possuem sons idênticos. Porém, à medida que desenvolvemos o hábito constante da leitura, vamos aprendendo sobre a forma correta e, de tal modo, no momento de escrevermos, já estamos craques no assunto. Sendo assim, para aprendermos um pouquinho mais, conheceremos os casos em que usamos a letra “Z”. São eles:
 


# Com alguns substantivos que derivam de adjetivos:

acidez – derivada de ácido (palavra que significa uma qualidade)
altivez – derivada de altivo
certeza – derivada de certo
embriaguez – derivada de embriagado
limpeza – derivada de limpo...


 # Nos sufixos (acréscimo no final de alguma palavra) que formam aumentativos e diminutivos:

 canzarrão - aumentativo de cão
homenzarrão – aumentativo de homem
avezinha – diminutivo de ave
rapazote – diminutivo de rapaz...


 Mas atenção!!!


 # Quando a palavra primitiva já contém a letra “s”, as outras que dela derivam continuam com “s”.

casa – casinha
mesa – mesinha
rosa - rosinha


# Nos sufixos “-triz” formadores de substantivos femininos:

atriz
embaixatriz
imperatriz...


 # Nos verbos terminados em “-izar” , quando a palavra primitiva não possuir “s”.

 aterrorizar
atualizar
economizar
fiscalizar...


Por Vânia Duarte
Graduada em Letras 
Equipe Escola Kids 

A ortografia é a parte da gramática responsável pela escrita correta das palavras A ortografia é a parte da gramática responsável pela escrita correta das palavras
Por Escola Kids

Você pode se interessar também

Português

Ortografia

Português

Homofonia

Português

Os diferentes sons da letra X

Últimos artigos

8 de março – Dia Internacional da Mulher

O Dia Internacional da Mulher é comemorado em 8 de março, data que surgiu da luta das mulheres pela igualdade de direitos.

Tancredo Neves

Tancredo Neves foi um dos políticos mais tradicionais do Brasil, durante o século XX. Participou do governo de Vargas e Jango e defendeu a redemocratização de nosso país.

Revolução Constitucionalista de 1932

Revolução Constitucionalista de 1932 demonstrou a insatisfação dos paulistas com Getúlio Vargas, sendo uma tentativa da oligarquia local de recuperar o poder perdido em 1930.

Governo Sarney

Governo de Sarney foi o primeiro governo civil após duas décadas de Ditadura Militar no Brasil. Ele ficou marcado pela redemocratização e pela luta contra a crise econômica.