Qual matéria está procurando ?

Português

Português

“A gente” ou “nós”?

Tanto a expressão “a gente” quanto a palavra “nós” existem na língua portuguesa, estão corretas e têm o mesmo significado. O que muda é a conjugação verbal em cada caso.

Menino com expressão de dúvida em texto sobre “a gente” e “nós”. “A gente” e “nós” são sinônimos no Brasil.

A gente” e “nós” são duas expressões muito comuns na língua portuguesa, e seus usos podem gerar dúvidas; porém, o que muda nelas é a conjugação do verbo.

Leia também: Agente, a gente ou há gente — qual é a diferença?

Resumo sobre “a gente” e “nós”

  • Tanto “a gente” quanto “nós” existem na língua portuguesa e estão corretas do ponto de vista gramatical.

  • Elas têm o mesmo significado: referem-se à pessoa que fala, no plural.

  • “A gente” é uma locução pronominal, com verbos conjugados na 3ª pessoa do singular, e não é indicada para linguagem formal, sendo mais usada na linguagem informal.

  • “Nós” é um pronome, com verbos conjugados na 1ª pessoa do plural, e é indicado tanto para linguagem formal quanto informal.

A gente” ou “nós”: qual o correto?

As duas expressões estão corretas e podem ser usadas na língua portuguesa. Elas têm o mesmo significado: referem-se à pessoa que fala, mas no plural, ou seja, trata-se de mais de uma pessoa. A expressão “a gente” não é indicada para uma linguagem formal, mas é muito usada na linguagem informal.

Já o pronome “nós” é muito usado tanto na linguagem formal quanto na informal, sendo o mais indicado para situações que exigem maior formalidade.

Como usar “a gente”

A expressão “a gente” é uma locução pronominal, ou seja, um grupo de palavras que tem função de pronome: nesse caso, o artigo feminino “a” e o substantivo feminino “gente”. “A gente” refere-se de modo genérico a um grupo plural de pessoas que fala (sinônimo de “nós”). Os verbos que acompanham a locução “a gente” aparecem conjugados na 3ª pessoa do singular.

Veja exemplos do uso de “a gente” e preste atenção na conjugação do verbo:

A gente vai ao cinema amanhã à noite.

A gente é uma equipe forte e unida.

A gente decidiu adotar um animal de estimação.

A gente queria pedir pizza para o jantar.

A gente deve respeitar as opiniões uns dos outros.

→ “A gente” se escreve junto ou separado?

A expressão “a gente” é escrita separado quando é uma locução pronominal. A palavra “agente”, escrita junto, significa outra coisa: pode ser um agente secreto, um espião, um agente da polícia ou um administrador que negocia.

Exemplo: O agente estava focado na missão.

Saiba mais: O correto é “mecher” ou “mexer”?

Como usar “nós”

A palavra “nós” é um pronome pessoal usado para a 1ª pessoa do plural, ou seja, quando o sujeito é quem fala e está no plural (sendo várias pessoas). Os verbos que acompanham a palavra “nós” aparecem conjugados na 1ª pessoa do plural para concordar com essa palavra.

Veja exemplos do uso de “nós” e preste atenção na conjugação do verbo:

Nós vamos ao cinema amanhã à noite.

Nós somos uma equipe forte e unida.

Nós decidimos adotar um animal de estimação.

Nós estudaremos muito para passar de ano.

Nós gostaríamos de viajar para lugares exóticos nas férias.

Fontes

AZEREDO, José Carlos de. Gramática Houaiss da Língua Portuguesa. São Paulo: Parábola, 2021.

BECHARA, Evanildo. Moderna Gramática Portuguesa. 38ª ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2015.

CEGALLA, Domingos Paschoal. Novíssima Gramática da Língua Portuguesa. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2020.

CUNHA, Celso; CINTRA, Lindley. Nova Gramática do Português Contemporâneo. 7ª ed. Rio de Janeiro: Lexikon, 2016.

Por Guilherme Viana

Você pode se interessar também

Português

Acerca de, a cerca de ou há cerca de?

Português

Cozer ou coser?

Português

Diferenças entre a gente, agente e há gente

Português

Há pouco ou a pouco?

Últimos artigos

Folclore brasileiro

O folclore brasileiro é o rico conjunto de manifestações de nossa cultura. Mitos, lendas, danças, músicas, brincadeiras e festas populares fazem parte dele.

El Niño

O El Niño é um fenômeno descrito pelo aquecimento anormal das águas do Oceano Pacífico, provocando chuvas volumosas no Sul do Brasil e secas severas no Norte e no Nordeste.

Bicho-papão

Bicho-papão é uma lenda presente no folclore brasileiro que fala de um monstro que sequestra e devora crianças desobedientes. Foi influência portuguesa em nossa cultura.

Queda da Bastilha

A queda da Bastilha foi um acontecimento marcante que se passou em 14 de julho de 1789, marcando o início da Revolução Francesa.