Qual matéria está procurando ?

Matemática

Matemática

Jogo de sinais

O jogo de sinais é composto de regras que facilitam operar dois ou mais números inteiros de maneira mais rápida e eficiente, essas regras são provenientes das definições de adição, subtração, multiplicação e divisão de números inteiros.

As regras do jogo de sinais dependem da operação que está sendo envolvida entre os números inteiros, caso tenhamos uma adição ou subtração, utilizaremos uma regra, caso tenhamos uma multiplicação ou divisão, utilizaremos outra.

O jogo de sinais são regras usadas para escolher corretamente o sinal do resultado de uma operação matemática.

Regra do jogo de sinais para adição e subtração

A regra seguinte é utilizada apenas para adição e subtração de números inteiros.

  • Sinais diferentes

Manter o sinal do número maior e subtrair os números normalmente.

→ Exemplo 1

– 7 + 8 =

Como os sinais são diferentes, devemos manter o sinal do número maior, no caso (+), e, em seguida, subtrair os números (8 – 7 = 1). Portanto:

7 + 8 = +1

→ Exemplo 2

+15 – 7 =

De maneira análoga, conservaremos o sinal do número maior (+) e subtrairemos os números (15 – 7 = 8), logo:

+15 7 = + 8

Leia também: Estudos dos sinais de uma função do 2º grau

  • Sinais iguais

Deve-se manter o sinal e somar os números.

→ Exemplo 1

– 9 – 8 =

Como agora os sinais são iguais, basta manter o sinal que se repete e somar normalmente os números, como 9 + 8 = 17, então:

9 8 = 17

→ Exemplo 2

– 4 – 66 =

Do mesmo modo, repetindo o sinal e somando os números, temos:

4 66 = 70

→ Exemplo 3

+33 + 67 =

+33 + 67 = + 100

Regra dos jogos de sinais para multiplicação e divisão

A regra agora é exclusivamente para quando fazemos operações utilizando a multiplicação ou a divisão. Para tanto, a tabela conhecida como jogo de sinais é válida.

Sinal do primeiro número

Sinal do segundo número

Sinal do resultado

+

+

+

+

+

+

Para resolver essas operações, primeiro devemos operar os sinais de acordo com a tabela e, em seguida, operar os números.

→ Exemplo 1

(+ 4) · (–12) =

Operando inicialmente os sinais, temos que (+) com (–) é igual (–); e como 4 multiplicado por 12 é igual a 48, temos:

(+ 4) · (12) = 48

→ Exemplo 2

(– 55) : (– 11) =

De maneira análoga, temos que (–) com (–) é igual a (+); e como 55 dividido por 11 é igual a 5, temos:

( 55) : ( 11) = +5

→ Exemplo 3

(35) · (– 5) =

Quando não aparecer nenhum sinal no número, podemos considerá-lo como positivo, logo, o resultado desse exemplo será um número negativo, pois (+) operado com (–) é sempre (–).

(35) · ( 5) = 175

→ Exemplo 4

(81) : (+ 9) =

Inicialmente, temos que (–) com (+) é igual (–); e como 81 divido por 9 é igual 9, logo:

( 81) : (+ 9) = 9

Veja também: Par ou ímpar?

Por Robson Luiz

Você pode se interessar também

Matemática

Adição de mais de dois números

Matemática

Adição de números

Matemática

Adição de números decimais

Matemática

Adição e subtração de frações

Últimos artigos

Cerebelo

Cerebelo é uma parte do encéfalo e está relacionado, entre outras funções, com a manutenção do nosso equilíbrio, postura e ajuste dos movimentos corporais.

Tríplice Aliança

Tríplice Aliança foi um acordo militar assinado, em maio de 1882, por Alemanha, Áustria-Hungria e Itália, que procuravam se proteger de França e Rússia principalmente.

Raposa

Raposa é um nome popular usado para se referir a alguns representantes da família Canidae, a mesma família dos cães e lobos. São animais onívoros e geralmente solitários.

Aranha-armadeira

Aranha-armadeira pode ser encontrada em todo território brasileiro. Recebe essa denominação devido à posição que assume quando se sente ameaçada.