Qual matéria está procurando ?

Geografia

Geografia

Terremotos no Brasil

É possível haver fortes terremotos no Brasil? Corremos o risco de sofrer com intensos e destrutivos abalos sísmicos? Clique e descubra!

Podem acontecer fortes terremotos Brasil? Será que corremos esse risco? Podem acontecer fortes terremotos Brasil? Será que corremos esse risco?

Quando assistimos a um noticiário ou quando ouvimos falar por aí que em algum país houve um terremoto muito forte, que deixou muitos mortos, feridos e desabrigados, automaticamente nos perguntamos: será que podem também ocorrer terremotos no Brasil?

A resposta é sim. Mas não se desespere, pois a nossa posição geográfica não favorece a ocorrência de muitos deles. A grande maioria dos que se manifestam sequer é percebida pela população, mas apenas por aparelhos específicos chamados sismógrafos.

A maior parte dos terremotos do mundo acontece em regiões de encontro entre duas placas tectônicas, onde a tensão geológica é mais intensa em função dos movimentos que essas placas realizam. O Brasil, por sorte, encontra-se em uma área no interior de uma placa tectônica, o que também ajuda a explicar a inexistência de grandes cadeias montanhosas e vulcões no nosso país.

No caso de localidades como a do território brasileiro, os terremotos somente ocorrem em virtude da ação das falhas geológicas, que são pontos de ruptura entre grandes blocos de rochas que compõem o nosso relevo. Mesmo assim, esses terremotos não costumam ser muito fortes.

Por outro lado, já foram registrados alguns casos que geraram certa preocupação. No ano de 1955, no município de Porto dos Gaúchos, no estado do Mato Grosso, houve um terremoto de 6,2 graus na escala Richter (que nunca registrou sismos maiores que 10). Na época, a localidade onde ocorreu o fenômeno era pouco habitada, então as consequências foram pouco notadas e sem grandes prejuízos.

Em 2007, no município de Cruzeiro do Sul, no Acre, também houve um forte terremoto, com 6,1 graus. No entanto, seu hipocentro (ponto de início do terremoto no subsolo) era muito profundo, a cerca de 600 metros abaixo da superfície, por isso foi pouco sentido e quase não houve danos.

Aliás, o ano de 2007 marcou a única vez que uma pessoa morreu em função de terremotos no Brasil, conforme dados oficiais. Aconteceu na cidade de Itacarambi, em Minas Gerais, quando um tremor de 4,9 graus derrubou uma casa que tinha uma estrutura muito frágil e soterrou um morador que ali estava.

Apesar disso, não há motivos para muitas preocupações. Mesmo acontecendo mais de 90 terremotos por ano no Brasil, eles são muito fracos, sendo a maioria nem sentida diretamente por nós.


Estragos causados por um terremoto na Turquia. Algo que dificilmente ocorrerá no Brasil *

_____________________

* Créditos da imagem: Prometheus72 / Shutterstock


Por Rodolfo Alves Pena
Graduado em Geografia

Por Escola Kids

Você pode se interessar também

Geografia

Imigração haitiana no Brasil

Geografia

Placas tectônicas

Últimos artigos

Brincadeiras juninas

As brincadeiras juninas são uma das partes mais divertidas da Festa Junina. A seguir, você verá dicas de 15 dessas brincadeiras!

Sedentarização

A sedentarização foi o processo por meio do qual os humanos abandonaram o nomadismo, fixando-se em uma localidade.

Comidas de Festa Junina

Algumas comidas de Festa Junina são: a pamonha, o milho cozido, o milho assado, a canjica, o curau, o arroz-doce, a paçoca, o mané pelado, o pé de moleque e o bolo de milho.

Lixiviação

Lixiviação é um processo de degradação do solo que consiste na retirada de seus nutrientes pela percolação da água, o que reduz sua fertilidade e pode levar à desertificação.