Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Descoberta da penicilina

Conheça a história da descoberta da penicilina e entenda por que isso foi um grande passo para a Medicina.

Quando vemos nos meios de comunicação sobre alguma descoberta científica, logo imaginamos vários anos de pesquisa árdua e processos muito bem planejados. Entretanto, algumas vezes, grandes descobertas ocorrem ao acaso. Esse é o caso da descoberta da penicilina, o primeiro antibiótico da humanidade. Vamos conhecer melhor essa história?

Alexander Fleming era um médico inglês que, em 1928, dedicou-se ao estudo de uma importante bactéria chamada Staphylococcus aureus. O que impulsionou o estudo foi a observação de que vários soldados da Primeira Guerra tinham seus ferimentos por armas de fogo contaminados por essa bactéria. Fleming então iniciou pesquisas com vistas a acabar com esse problema.

Um belo dia, Alexander Fleming resolveu sair de férias e interromper, temporariamente, seus estudos. Por falta de atenção, o pesquisador deixou algumas de suas culturas de bactéria sem a devida proteção.

Quando retornou das férias, Fleming viu que havia perdido grande parte de suas culturas e resolveu jogar fora todo o material que foi deixado acondicionado de forma inadequada. Entretanto, ao juntar o material, ele observou que havia crescido um fungo na cultura e, curiosamente, não havia indícios da bactéria naquele local.

O pesquisador chegou à conclusão de que aquele fungo, de alguma forma, era capaz de destruir o Staphylococcus aureus. Após algumas análises, Fleming identificou o fungo como sendo do gênero Penicillium e que ele produzia uma substância que destruía bactérias. Surgia nesse momento a penicilina.

Apesar da descoberta ter sido feita em 1928, seu isolamento verdadeiro só ocorreu em 1938 por Ernst B. Chain e Howard W. Florey. O uso em humanos só aconteceu em 1940 e o paciente que recebeu o medicamento foi um policial que enfrentava um infecção no sangue.

Sem dúvidas, a descoberta da penicilina e de seu mecanismo de ação foi essencial para o desenvolvimento da medicina, pois tornou possível o tratamento de doenças bacterianas. Entretanto, o uso inadequado desses produtos tem sido responsável por um grave problema: a resistência bacteriana, que seleciona bactérias suficientemente fortes e capazes de sobreviver a vários tipos de antibióticos.

Atenção: Apesar de ser um produto extremamente importante, os antibióticos devem ser usados com cautela e de acordo com as recomendações do médico ou dentista.


Por Ma. Vanessa dos Santos

Fleming deixou uma cultura de bactérias exposta e observou o surgimento de fungos Fleming deixou uma cultura de bactérias exposta e observou o surgimento de fungos
Por Vanessa Sardinha dos Santos

Você pode se interessar também

Ciências

Infecção

Ciências

Antibióticos

Ciências

Doenças causadas por fungos

Ciências

Fungos

Últimos artigos

1º de abril – Dia da Mentira

O Dia da Mentira é celebrado aqui no Brasil em 1º de abril. Acredita-se que essa data tenha surgido por meio de uma mudança de datas que aconteceu na França do século XVI.

Combate ao coronavírus: vírus

Combate ao coronavírus: sintomas

Combate ao coronavírus: prevenção