Como o sabão funciona?

  • Atualmente 5/5 Estrelas.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Como o sabão funciona? Como será que o sabão ajuda a água na lavagem dos pratos?
Por Jennifer Rocha Vargas Fogaça
PUBLICIDADE

Você já tentou lavar os pratos usando somente água? Não dá muito certo, não é?! Por que a água sozinha não consegue remover a gordura e a sujeira? Isso acontece porque a composição desses materiais é bem diferente da composição da água, o que dificulta que eles se misturem.

Dizemos que as moléculas de água são polares, ou seja, elas apresentam partes que são carregadas: uma parte é positiva e outra é negativa. Já as gorduras e os óleos são apolares, o que significa que suas moléculas não possuem carga. Assim, as moléculas polares da água não conseguem penetrar nas moléculas de gordura e arrastá-las. É por esse mesmo motivo que o óleo não se mistura com a água, como mostra a figura a seguir:

Água e óleo não se misturam porque a água é polar e o óleo é apolar
Água e óleo não se misturam porque a água é polar e o óleo é apolar

Outro problema é que as moléculas de água formam uma espécie de “pele” ou “película” que dificulta ainda mais que ela penetre nas sujeiras. Essa fina camada é chamada de tensão superficial da água. Sua formação ocorre porque a parte positiva de uma molécula de água atrai a parte negativa de outra molécula de água e assim sucessivamente.

Desse modo, as moléculas ficam bem juntinhas, principalmente as moléculas da superfície, formando a película que falamos. A ilustração a seguir mostra como as moléculas de água (simbolizadas pelas bolas azuis) atraem uma às outras e criam uma tensão superficial:

A tensão superficial é uma “película” formada pelas forças de atração entre as moléculas de água da superfície
A tensão superficial é uma “película” formada pelas forças de atração entre as moléculas de água da superfície

Uma prova que a água possui realmente essa “película” é mostrada na imagem a seguir, em que um inseto consegue andar em cima da água:

Inseto sobre a água em razão da tensão superficial intensa
Inseto sobre a água em razão da tensão superficial intensa

Assim, para conseguir limpar as gorduras e as sujeiras, precisamos usar o sabão. Mas como o sabão funciona? Como ele limpa?

Basicamente, o sabão consegue “quebrar” essa “película” da água, permitindo que ela penetre nos materiais e remova a sujeira. É por isso que o sabão muitas vezes é chamado de agente tensoativo ou surfactante, pois ele diminui a tensão superficial da água. É como se o sabão deixasse a água mais “molhada”, entende?!

Mas como ele consegue isso? Para entender, olhe a imagem a seguir que apresenta a estrutura de um sabão:

Estrutura típica de um sabão
Estrutura típica de um sabão

Veja que o sabão possui uma parte que é apolar (assim como a gordura e o óleo) e outra parte que é polar (assim como a água). Desse modo, a parte apolar da molécula do sabão interage com as moléculas apolares das gorduras e dos óleos, e a parte polar interage com as moléculas polares da água.

As moléculas do sabão distribuem-se e formam micelas, como a figura a seguir mostra:

Micela de sabão envolvendo gordura
Micela de sabão envolvendo gordura

Observe que a parte apolar das moléculas do sabão envolve a partícula gordurosa, que é arrastada pela água que está em contato com a parte polar do sabão voltada para fora. Assim, as micelas formadas pelo sabão ajudam a remover a sujeira gordurosa.


Por Jennifer Fogaça
Graduada em Química

Avaliação

10.0

    Escola Kids