Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Textos de humor

Conheça um pouco mais sobre eles!

Entre os diversos textos com os quais convivemos diariamente, estão os chamados “textos humorísticos”.

A palavra “humor” nos lembra diversão, entretenimento, riso. Dessa forma, fica fácil identificarmos o objetivo destes textos, não é verdade?

Mas existe uma particularidade entre eles que devemos saber:

Há alguns em que, por trás do humor se esconde uma crítica aos problemas ligados à sociedade, como por exemplo, o comportamento dos políticos, que para podermos descobri-la é necessário uma leitura mais atenta, seguida de uma reflexão.

Facilmente encontrados em revistas, jornais, histórias em quadrinhos, almanaques, eles são compostos por uma linguagem verbal e uma não verbal, havendo ligação entre imagens e texto escrito.

Os textos que representam esta classe são as anedotas, também chamadas de piadas, as tiras, os cartuns e as charges.

Facilitando nosso entendimento sobre suas características, observaremos o exemplo a seguir:

Anedota:

Na escola, a professora pergunta a um aluno que está sempre distraído:
“Alexandre, táxi leva acento?”
“Claro, senão onde é que as pessoas se sentariam?"

Por Vânia Duarte
Graduada em Letras
Equipe Escola Kids

Textos humorísticos – charges, anedotas, cartuns, tiras Textos humorísticos – charges, anedotas, cartuns, tiras
Por Escola Kids

Você pode se interessar também

Português

Caricatura

Português

Os diferentes tipos de texto

Últimos artigos

Cuca

Cuca é um ser do folclore brasileiro e apresentada como uma velha má que sequestra crianças. Por meio de Monteiro Lobato, a forma de jacaré da cuca se popularizou.

Animais herbívoros

Os animais herbívoros se alimentam de algas e/ou vegetais e, portanto, ocupam sempre o nível de consumidores primários na cadeia alimentar.

Realismo no Brasil

Realismo foi um estilo de época do século XIX. No Brasil, Machado de Assis é seu maior representante.

Código de Hamurábi

Código de Hamurábi — código de leis tradicionais na Mesopotâmia — foi compilado por Hamurábi, rei da Babilônia, no século XVIII a.C.