Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Estudando a regência do verbo “implicar”

Por dentro do verbo “implicar”: Clique e saiba mais sobre regência verbal!

 Antes de começarmos a falar sobre a regência do verbo “implicar”, temos uma perguntinha: você sabe o que é regência verbal?

Bom, é importante que você saiba que a regência verbal nada mais é do que a relação sintática de dependência que existe entre um verbo – termo regente – e o seu complemento – termo regido. A regência determinará a necessidade – ou não – de uma preposição para ligar o verbo a seu complemento. Quando o termo regente for um verbo, ocorrerá a regência verbal; quando o termo regente for um nome (substantivo, advérbio ou adjetivo), ocorrerá a regência nominal.

Existem alguns verbos da língua portuguesa que frequentemente estão envolvidos em problemas quanto à regência, entre eles o verbo “implicar”. Afinal, esse verbo exige ou não preposição? Ele é um verbo transitivo direto ou transitivo indireto? A resposta é: depende, pois esse verbo possui diferentes significados, sendo assim, haverá situações em que ele exigirá a preposição e, em outras, não. Que tal conhecer cada um de seus diferentes empregos em uma oração? Fique atento aos exemplos e bons estudos!


O verbo “implicar” pode ter diferentes significados em uma oração: a regência correta dependerá de cada um deles

Quando o verbo “implicar” possuir sentido de “acarretar”, “ocasionar”, “trazer consequências”, será transitivo direto, isto é, seu complemento não exigirá uma preposição. Observe:

O descumprimento das regras implicará em punições. =( errado
O descumprimento das regras implicará punições. =) certo

Quando o verbo “implicar” for pronominal: Verbos pronominais são acompanhados por pronomes oblíquos átonos (me, te, se, nos), portanto, quando o verbo “implicar” assumir a forma implicar-se, ele terá o sentido de “envolver-se” e deverá ser introduzido pela preposição em:

Os alunos implicaram-se na atividade proposta pela professora.
Ou
Os alunos envolveram-se na atividade proposta pela professora.

► Quando o verbo “implicar” assumir o sentido de “ter implicância com algo ou alguém”, “tomar aversão”, “embirrar” (essa certamente é a significação mais utilizada para o verbo “implicar”), será transitivo indireto, já que a preposição com deverá ser empregada. Observe:

Os jogadores implicaram com o time adversário.
O aluno implicou com o novo professor.


Por Luana Castro
Graduada em Letras 

O verbo “implicar” costuma provocar dúvidas em relação à sua regência. Conhecer cada um de seus significados pode evitar deslizes gramaticais O verbo “implicar” costuma provocar dúvidas em relação à sua regência. Conhecer cada um de seus significados pode evitar deslizes gramaticais
Por Luana Castro Alves Perez

Você pode se interessar também

Português

Regência verbal

Últimos artigos

Idade Moderna

Idade Moderna foi um dos períodos da História, iniciando-se em 1453 e finalizando-se em 1789. Foi o período dos regimes absolutistas e do surgimento do capitalismo.

Animais onívoros

Animais onívoros são aqueles que podem alimentar-se de algas ou plantas e também de outros animais. Porcos e baratas são exemplos de animais onívoros.

Réveillon e Ano-Novo

O Réveillon e o Ano-Novo são datas comemorativas de final e início de ano e remetem a comemorações diferentes.

Revolução Praieira

A Revolução Praieira foi a última revolução provincial que aconteceu no Brasil durante o período monárquico e abalou Pernambuco, de 1848 a 1850.