Qual matéria está procurando ?

História

História

Breve história do açúcar

Saiba mais sobre a história do açúcar, produto presente em vários artigos de seu consumo diário.

Você já imaginou como seria seu cotidiano sem o uso do açúcar? Refrigerantes amargos, sem as balas, os chicletes, os chocolates ou doces de todo tipo. Imagina o café sem açúcar? Argh... Mas era sem o açúcar que a sociedade sobreviveu durante quase toda a história da humanidade, sendo que o açúcar só começou a se disseminar como artigo de consumo mais amplo por volta do século XVII, quando começou a produção em larga escala da cana de açúcar no continente americano, principalmente na colônia portuguesa.

Nem todo açúcar é feito da cana de açúcar, pois há, por exemplo, o açúcar obtido a partir da beterraba. E mesmo sem o açúcar como o conhecemos, as populações mais antigas utilizavam o mel como forma de adoçar os produtos culinários. Mas como o mais conhecido é o açúcar de cana, que compramos no supermercado já solidificado, é a história dele que será contada.

A cana já era produzida na Índia há mais de 6.000 anos, entretanto há informações de que a existência deste vegetal nas ilhas do Sul do Pacífico fosse verificada bem antes, por volta de 20.000 a.C. A partir do local onde hoje conhecemos por Nova Guiné, a plantação da cana de açúcar teria se difundido pela região e chegado até à Índia

 

A cana, matéria-prima do açúcar, foi difundida pelo mundo principalmente com os árabes
A cana, matéria-prima do açúcar, foi difundida pelo mundo principalmente com os árabes

Na Índia, extraia-se o caldo da cana para o consumo, e se tornou conhecido pelos ocidentais quando o soldado de Alexandre, o Grande, de nome Niarchos, chegou com uma expedição ao vale do rio Indo e se deparou com os habitantes da região bebendo o caldo da cana fermentado. A partir daí ele passou a ser comercializado com os gregos e posteriormente com os romanos, a preços altíssimos, sendo restrito às pessoas ricas.

Se antes se consumia apenas o caldo fermentado, por volta do ano 600 d.C. passou-se a consumi-lo de outra forma, com o desenvolvimento pelos persas de técnicas de refinamento. O objetivo era facilitar o estoque, o transporte e o comércio do produto, sem que ele fermentasse. Após a conquista da Pérsia pelos árabes em 650 d.C., o açúcar se difundiu pelo Império Árabe.

Os contatos dos europeus com os árabes, através das cruzadas, contribuíram para a difusão do produto no ocidente. Mas esta especiaria oriental era ainda extremamente rara e seu uso continuava restrito às pessoas ricas, ou usado como remédio contra a peste negra. Servia ainda como forma de conservar frutas, e nas cortes reais utilizavam o açúcar para esculpir esculturas de navios e palácios, que eram ostentadas em festas.

O contato dos portugueses e espanhóis com os árabes na Península Ibérica pode ter sido o motivo pelo qual o cultivo da cana de açúcar se difundiu nas colônias americanas, a partir do século XVII. A partir daí a produção de cana se ampliou, e o consumo de açúcar se expandiu a todas as classes da população. Por ser um produto de grande quantidade energética, na segunda metade do século encontrou-se nova utilidade industrial para a cana, que passou a ser utilizada para a produção de álcool combustível.


Por Tales Pinto
Graduado em História

A origem do açúcar remonta há mais de 6000 anos A origem do açúcar remonta há mais de 6000 anos
Por Escola Kids

Você pode se interessar também

Ciências

Doces fazem mal à saúde?

Ciências

Benefícios do chocolate

Ciências

Fazendo um vidro falso

Últimos artigos

Lobisomem

O lobisomem é um homem amaldiçoado com a condição de se transformar em um ser violento, que é metade homem e metade lobo, todas as noites de lua cheia.

Sarampo

O sarampo é uma virose que pode desencadear complicações e até mesmo a morte. Causa febre, manchas no corpo e mal-estar.

Bicho-preguiça

Bicho-preguiça, também conhecido apenas por preguiça, é um animal vertebrado, mamífero, pertence à superordem Xenarthra, e habita desde a América Central até a América do Sul.

USMCA

A nova atualização do acordo trilateral entre Estados Unidos, México e Canadá foi chamada de USMCA. Esse acordo representa uma modernização da zona de livre comércio.