Qual matéria está procurando ?

Geografia

Geografia

Estrutura geológica

Clique e entenda o conceito e as principais características das estruturas geológicas que compõem a litosfera!

A litosfera, camada sólida e mais externa da Terra, não é homogênea, ou seja, essa camada não possui a mesma composição em toda a sua extensão. Ela originou-se do resfriamento do magma que recobria a superfície terrestre e foi bastante influenciada por processos de tectonismo, transformação e desgaste das rochas originais, o que promoveu uma grande diversificação de suas características. Além disso, o material que originou cada parte da crosta terrestre também é diferente, visto que ele é constituído por três tipos de rochas diferentes: rochas magmáticas, metamórficas e sedimentares.

Diante dessa variedade de características, convencionou-se classificar a parte emersa da litosfera em três tipos diferentes de estruturas geológicas, que são formações rochosas com características semelhantes (tipos de rocha, origem e evolução) que compõem a litosfera terrestre. É importante ressaltar que estrutura geológica não é o mesmo que formas de relevo. Enquanto as formas de relevo podem ser observadas na paisagem, as estruturas geológicas são grandes formações rochosas que servem de base para a origem e evolução dessas formas e, por isso, não podem ser vistas em uma simples observação da paisagem.

As principais estruturas geológicas do planeta são:

  • Escudos cristalinos ou maciços antigos: Estruturas muito antigas (Período Pré-cambriano), rígidas e resistentes, compostas por rochas magmáticas e metamórficas. Os escudos cristalinos contribuem para a formação de relevos planálticos e algumas depressões, que se formam principalmente nas bordas dos planaltos ou em regiões erodidas dessa forma de relevo. Além disso, em regiões de escudos cristalinos, é muito comum o afloramento de minerais metálicos, como os minérios de ferro, cobre e alumínio, que são muito importantes para o desenvolvimento das atividades humanas.

  • Bacias sedimentares: originaram-se a partir do desgaste das rochas cristalinas, que se fragmentaram em sedimentos menores e foram transportadas para regiões de menores altitudes, onde se acumularam e compactaram-se. Por causa dessa origem, o principal tipo de rocha que constitui essa estrutura são as rochas sedimentares (formadas a partir do acúmulo de sedimentos). Nas bacias sedimentares, encontram-se as maiores reservas de petróleo, gás natural e carvão. As principais formas de relevo formadas nessas áreas são as planícies, planaltos sedimentares e depressões.

  • Dobramentos modernos: São estruturas bastante recentes (Período terciário da era Cenozoica) que se formaram nas áreas de contato entre placas tectônicas. Em virtude da grande pressão originada por esse contato entre as placas, as áreas de dobramentos modernos passaram por várias elevações do terreno, o que deu origem às maiores cadeias de montanhas do mundo: Alpes, Himalaia, Rochosas etc.

A estrutura geológica do Brasil, vale salientar, é composta por bacias sedimentares, que correspondem a cerca de 64% do total da extensão territorial do país, e por escudos cristalinos, que ocupam cerca de 36% do território nacional. No Brasil, não existem dobramentos modernos, uma vez que o país se encontra no interior da placa tectônica sul-americana.


Por Thamires Olimpia
Graduada em Geografia

O Everest, com cerca de 8.848 metros, é um dos picos mais elevados do planeta e é formado a partir de dobramentos modernos O Everest, com cerca de 8.848 metros, é um dos picos mais elevados do planeta e é formado a partir de dobramentos modernos
Por Thamires Olimpia Silva

Você pode se interessar também

Geografia

Eras Geológicas

Ciências

Rochas

Geografia

O Relevo

Geografia

Sistema Terrestre

Últimos artigos

Lobisomem

O lobisomem é um homem amaldiçoado com a condição de se transformar em um ser violento, que é metade homem e metade lobo, todas as noites de lua cheia.

Sarampo

O sarampo é uma virose que pode desencadear complicações e até mesmo a morte. Causa febre, manchas no corpo e mal-estar.

Bicho-preguiça

Bicho-preguiça, também conhecido apenas por preguiça, é um animal vertebrado, mamífero, pertence à superordem Xenarthra, e habita desde a América Central até a América do Sul.

USMCA

A nova atualização do acordo trilateral entre Estados Unidos, México e Canadá foi chamada de USMCA. Esse acordo representa uma modernização da zona de livre comércio.