Qual matéria está procurando ?

Geografia

Geografia

Escandinávia

A Escandinávia é uma região que abrange a Península Escandinávia. Os países pertencentes a essa região assemelham-se cultural, histórica e politicamente.

A Escandinávia é uma região que compreende a Península Escandinava, na Europa Setentrional. A Escandinávia é uma região que compreende a Península Escandinava, na Europa Setentrional.

Escandinávia é a denominação utilizada para designar a região que abrange três países: Dinamarca, Noruega e Suécia. Geograficamente, apenas Noruega e Suécia fazem parte da Península Escandinava, contudo, características como língua, história e cultura levaram à inclusão da Dinamarca.

Geopoliticamente falando, tendo em vista as semelhanças econômicas, geográficas, políticas e linguísticas, a Finlândia, Islândia e Ilhas Faroé, por vezes, são associadas à Escandinávia.

Leia também: Conheça os aspectos geográficos da China

Dados gerais

  • Área territorial:

          Dinamarca – 42.496 km2

          Noruega – 385.155 km2

          Suécia – 449.964 km2

  • Línguas

    Dinamarca – Dinamarquês

    Noruega – Norueguês

    Suécia – Sueco

  • População

    Dinamarca - 5749 milhões de habitantes

    Noruega - 5258 milhões de habitantes

    Suécia - 9995 milhões de habitantes

  • Moeda

    Dinamarca – Coroa dinamarquesa

    Noruega – Coroa norueguesa

    Suécia – Coroa sueca

  • IDH (Índice de Desenvolvimento Humano)

    Dinamarca – 0,929

    Noruega – 0,953

    Suécia – 0,933

A Escandinávia é um país?

A Escandinávia corresponde a uma região histórica e geográfica localizada ao norte do continente europeu, especificamente na Península Escandinava (maior península da Europa), situada entre o Golfo de Bótnia, Mar Báltico e Mar do Norte.

Essa região compreende nações cujos índices de desenvolvimento humano são elevadíssimos e apresentam diversas semelhanças entre suas culturas, processos históricos e idiomas. Portanto, a Escandinávia não é um país.

Mapa da Escandinávia

Turismo nos países escandinavos

Turismo na Dinamarca

Dinamarca, conhecida oficialmente como Reino da Dinamarca, tem como língua nacional o dinamarquês. A capital do país é Copenhague. A Dinamarca possui um dos menores índices de desigualdade social do mundo e altos índices de desenvolvimento humano.

O país é conhecido também pela segurança reforçada, honestidade e confiança e por ser um dos menos corruptos do mundo. A expectativa de vida supera os 80 anos. A cultura dinamarquesa é bastante progressista, visto que no país prostituição é permitida. Tabus religiosos são condenados e a liberdade sexual é assegurada.

  • Ponto turístico: Tivoli Gardens

    Tivoli Garden situado em Copenhague, Dinamarca.
    Tivoli Garden situado em Copenhague, Dinamarca.

O Tivoli Gardens é um parque situado em Copenhague, inaugurado em 1843, correspondendo ao segundo parque mais antigo do mundo. O parque é repleto de áreas verdes, jardins, lagos, brinquedos, animais, sendo o local ideal para crianças e adolescentes.

Turismo na Noruega

Noruega, oficialmente Reino da Noruega, localizado na Península Escandinava, é o país com o mais alto IDH do mundo. Sua capital é Oslo. As políticas econômicas e sociais no país estão associadas à economia de livre mercado e também ao estado de bem-estar social.

Em 2009, o país foi considerado pela Organização das Nações Unidas o melhor país para se viver e também o mais pacífico, segundo o Índice Global da Paz. A expectativa de vida na Noruega ultrapassa os 80 anos.

  • Ponto turístico: Fiorde de Lyse (Lysefjorden)


Fiorde Lyse é uma entrada para o mar entre grandes montanhas localizada em Forsand.

O fiorde de Lyse localiza-se em Forsand, na Noruega, e é uma das principais atrações turísticas da região. Várias excursões dirigem-se ao local para contemplar a beleza natural. Para quem não conhece, fiorde corresponde a uma grande entrada para o mar situada entre grandes montanhas. O fiorde de Lyse possui aproximadamente 42 quilômetros de comprimento.

Turismo na Suécia

Suécia, oficialmente designada de Reino da Suécia, é o terceiro maior país da União em Europeia quanto à área. A capital do país é Estocolmo, considerada o centro político, econômico e financeiro do país. Sueco é a língua oficial do país, falada pela maior parte dos habitantes.

Com mais de dez milhões de habitantes, o país é o mais populoso entre os países escandinavos. O país apresenta elevado índices de desenvolvimento humano. Uma das principais prioridades do governo sueco é a educação.

  • Ponto turístico: Palácio Real de Estocolmo (Royal Palace, Stockholm)


Palácio Real de Estocolmo localizado na Suécia.

 

O Palácio Real está localizado na ilha de Stadsholmen, na capital da Suécia, Estocolmo. O Palácio é a residência oficial do monarca da Suécia. Atualmente, encontra-se aberto para visitação pública, quando não há eventos oficiais nos salões.

Vikings

A região da Escandinávia foi habitada durante quase três séculos (entre 800 e 1500) por povos chamados vikings. Esse período ficou conhecido como a Era Viking. Esses povos eram considerados guerreiros exploradores que se caracterizavam por hierarquização, ou seja, dividiam-se em classes sociais, tendo no topo da hierarquia um rei. O poder era hereditário e passava de pai para filho.

Esses povos, que inicialmente ocupavam a parte norte do continente europeu, mais especificamente as áreas que correspondem à Noruega, Suécia e Dinamarca, espalharam-se por outras regiões à medida que desenvolveram técnicas de navegação. Os vikings iam em busca de novas terras a fim de colonizá-las e torná-las agricultáveis. Os produtos cultivados eram comercializados. A Era Viking teve fim por volta de 1066.

Leia mais: Como os vikings enxergavam a guerra?

Países nórdicos


Os países nórdicos compreendem cinco nações e três regiões autônomas.

A Escandinávia e os países nórdicos por vezes são designadas como sinônimos. Contudo, apesar de abrangerem áreas de uma mesma região, países nórdicos correspondem a outras nações além das nações que compreendem a Escandinávia.

Os países nórdicos são:

  • Noruega

  • Suécia

  • Dinamarca

  • Finlândia

  • Islândia

  • Regiões autônomas da Groenlândia, Ilhas Faroé e Ilhas Aland.

Juntas, essas nações constituem o chamado Conselho Nórdico (órgão de cooperação entre os países nórdicos). Os países nórdicos apresentam os melhores índices de desenvolvimento humano e melhor qualidade de vida do mundo. Além desses índices, esses países também compartilham semelhanças culturais, sociais, políticas e geográficas.

Por Rafaela Sousa

Você pode se interessar também

História

Vikings

Últimos artigos

Revolta da Armada

Revolta da Armada foi um levante armado organizado por membros da Marinha, em 1893. Esse movimento se deu pela forte oposição da Marinha a Floriano Peixoto.

Símbolos nacionais

Símbolos nacionais são quatro símbolos que, por determinação da nossa lei, representam a nação brasileira.

Guerra do Contestado

Guerra do Contestado foi um conflito que se estendeu de 1912 a 1916 e mesclou insatisfação social com messianismo religioso.

Encontro vocálico

O encontro vocálico ocorre quando uma vogal e uma semivogal aparecem uma depois da outra em uma palavra. Há três tipos de encontro vocálico: o ditongo, o tritongo e o hiato.