Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Bacteriófagos

Você sabe o que são bacteriófagos? Clique aqui e saiba mais sobre esse importante tipo de vírus que tem potencial para curar doenças.

Os bacteriófagos são vírus que infectam bactérias Os bacteriófagos são vírus que infectam bactérias

Você já ouviu falar a respeito dos bacteriófagos? Esses pequenos seres são importantes vírus que apresentam como principal característica a capacidade de infectar bactérias. Esses vírus são um importante grupo e foram descobertos por dois pesquisadores de forma independente: Frederick Twort (1915) e Félix d’Herelle (1917).

Quais são as características principais de um bacteriófago?

O primeiro aspecto que devemos lembrar ao falar de bacteriófago é que ele é um vírus e, por isso, apresenta características típicas desse grupo. Como se sabe, vírus não possuem célula (acelulares) e não apresentam metabolismo próprio. Ao dizer que esses seres não apresentam metabolismo, estamos falando que não ocorrem reações químicas importantes em seu interior.

Vale destacar que, em virtude da ausência de metabolismo, os bacteriófagos, como qualquer outro vírus, necessitam parasitar uma célula para que sua reprodução ocorra. Sendo assim, esses organismos também são conhecidos como parasitas intracelulares obrigatórios.

Quais são as partes de um bacteriófago?

Os bacteriófagos apresentam uma estrutura bastante típica formada por um capsídeo, onde é encontrado o material genético, uma cauda e fibras da cauda. O capsídio protege o material genético dos vírus, e a cauda e as fibras relacionam-se com o reconhecimento da bactéria a ser invadida.


Observe as principais partes do bacteriófago

Como os bacteriófagos podem ser classificados?

Os bacteriófagos podem ser classificados, analisando-se o seu ciclo, em bacteriófagos líticos e bacteriófagos lisogênicos.

  • Bacteriófagos líticos: Nesse grupo, após sua reprodução na célula hospedeira, esta se rompe (lise) e libera vários vírus.

  • Bacteriófagos lisogênicos: Nesse grupo de vírus, o que se observa é a integração do material genético do vírus ao material genético da bactéria e formação de um prófago, que se reproduz juntamente à célula hospedeira. Mudanças do meio podem causar a mudança para o ciclo lítico.

O que é a fagoterapia?

Denomina-se de fagoterapia o uso de bacteriófago para o tratamento de doenças. Essa técnica baseia-se na utilização de vírus que podem causar a lise de bactérias, contribuindo, assim, para o tratamento de infecções bacterianas. Essa terapia pode ser um avanço no tratamento, principalmente de bactérias resistentes a antibióticos.

Atenção: Os bacteriófagos não causam doenças em outros seres vivos a não ser em bactérias.


Por Ma. Vanessa dos Santos

Por Vanessa Sardinha dos Santos

Você pode se interessar também

Ciências

Bactérias

Ciências

Doenças causadas por bactérias

Ciências

Importância das bactérias

Ciências

Reprodução das bactérias

Últimos artigos

Cerebelo

Cerebelo é uma parte do encéfalo e está relacionado, entre outras funções, com a manutenção do nosso equilíbrio, postura e ajuste dos movimentos corporais.

Tríplice Aliança

Tríplice Aliança foi um acordo militar assinado, em maio de 1882, por Alemanha, Áustria-Hungria e Itália, que procuravam se proteger de França e Rússia principalmente.

Raposa

Raposa é um nome popular usado para se referir a alguns representantes da família Canidae, a mesma família dos cães e lobos. São animais onívoros e geralmente solitários.

Aranha-armadeira

Aranha-armadeira pode ser encontrada em todo território brasileiro. Recebe essa denominação devido à posição que assume quando se sente ameaçada.