Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Anestesia

Entenda o que é anestesia, sua importância e os tipos existentes.

A anestesia é um procedimento que tem por objetivo promover a ausência completa de dor. Isso é feito para que exames e cirurgias sejam menos dolorosas, auxiliando, assim, o trabalho dos médicos e dentistas, que poderão trabalhar calmamente com a certeza que não estão causando sofrimento ao paciente.

Quais são os tipos de anestesia existentes?

Existem basicamente três tipos de anestesias, que são chamadas de gerais, regionais ou locais. Os anestésicos gerais afetam todo o corpo. Já o anestésico regional e o local afetam apenas uma porção do organismo.

Na anestesia geral, o paciente dorme e não tem percepção de nenhum evento que ocorre em sua volta ou no seu corpo. Esse tipo de anestésico é colocado na veia ou é recebido por via respiratória. Na anestesia regional, o paciente, que pode dormir ou não, não sente dor apenas em uma região. Esses anestésicos são administrados perto dos nervos específicos que enervam determinada área. Por fim, a anestesia local induz a perda de sensação apenas em pequenas partes do corpo.


Nem sempre a anestesia é aplicada na veia ou na pele

A anestesia raquidiana, muito comum em cesarianas, é um tipo de anestesia regional. O anestésico é injetado na região lombar até atingir o líquido cefalorraquidiano e provoca a perda de sensibilidade à dor e também afeta os movimentos das pernas.

Outro exemplo de anestesia é aquela usada para procedimentos odontológicos, que elimina a sensação de dor apenas no dente que sofrerá o procedimento e na região próxima a ele. Esse caso é um exemplo de anestesia local.

Qual é a duração de uma anestesia?

A duração de uma anestesia dependerá do anestésico utilizado e do procedimento que será realizado. Normalmente a anestesia demora o tempo necessário para a realização da cirurgia ou exame de determinado paciente.

Qualquer pessoa pode aplicar uma anestesia?

Apenas profissionais habilitados podem aplicar uma anestesia. No caso de procedimentos cirúrgicos, é necessário que um anestesiologista faça o procedimento. Esse profissional é formado em Medicina com especialização na área de anestesia. É fundamental o acompanhamento desse profissional, pois, além de aplicar o medicamento, ele será responsável por analisar se o organismo está funcionando adequadamente após o procedimento. Além disso, com o auxílio de um profissional capacitado, os riscos de acidentes anestésicos diminuem.


Por Ma. Vanessa dos Santos

Procedimentos cirúrgicos, na maioria das vezes, fazem uso de anestesia Procedimentos cirúrgicos, na maioria das vezes, fazem uso de anestesia
Por Vanessa Sardinha dos Santos

Você pode se interessar também

Ciências

Sistema nervoso

Ciências

Tecido nervoso

Últimos artigos

Cuca

Cuca é um ser do folclore brasileiro e apresentada como uma velha má que sequestra crianças. Por meio de Monteiro Lobato, a forma de jacaré da cuca se popularizou.

Animais herbívoros

Os animais herbívoros se alimentam de algas e/ou vegetais e, portanto, ocupam sempre o nível de consumidores primários na cadeia alimentar.

Realismo no Brasil

Realismo foi um estilo de época do século XIX. No Brasil, Machado de Assis é seu maior representante.

Código de Hamurábi

Código de Hamurábi — código de leis tradicionais na Mesopotâmia — foi compilado por Hamurábi, rei da Babilônia, no século XVIII a.C.