Um texto diferente - A poesia

  • Atualmente 0/5 Estrelas.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Um texto diferente - A poesia A poesia é um texto em que revelamos nossos sentimentos
Por Vânia Duarte
PUBLICIDADE

Imagine um texto que conta uma história qualquer. Agora faça uma comparação com o texto que você observa logo abaixo:

DORME RUAZINHA… É TUDO ESCURO!…

Dorme ruazinha… É tudo escuro…
E os meus passos, quem é que pode ouvi-los?
Dorme teu sono sossegado e puro,
Com teus lampiões, com teus jardins tranquilos…

Dorme… Não há ladrões, eu te asseguro…
Nem guardas para acaso perseguí-los…
Na noite alta, como sobre um muro,
As estrelinhas cantam como grilos…
(...)


Mário Quintana


Antologia poética para a infância e a juventude, Ed. Henriqueta Lisboa, Rio de Janeiro, INL: 1961.

Como você pôde perceber, ele se diferencia um pouco da história imaginada, mas por quê?

Quando vamos escrever uma história, temos que deixar a nossa ideia bem clara, construir os parágrafos, as pontuações de forma correta e o mais importante: ela tem que possuir começo, meio e fim.

Já este texto não possui parágrafos completos, ou seja, cada linha revela o que o autor quer nos dizer.

Uma curiosidade importante!

Cada linha recebe o nome de verso.

Nessas linhas, algumas palavras se apresentam com sons iguais, fazendo uma combinação perfeita.

Vamos descobrir quais são?

A palavra – “escuro” combina com “puro”, porque possuem terminações iguais.

O verbo “perseguí-los” combina com “grilos”

Por essa razão é que podemos chamá-lo de texto poético ou poesia. Ele é assim denominado porque seu autor, ou seja, o poeta, demonstrou toda sua emoção e tudo aquilo que estava sentindo no momento em que escrevia.

Então não se esqueça!

A poesia é um texto escrito em forma de versos onde o autor, por meio das palavras, revela seus sentimentos de uma forma geral, causando uma reflexão, um contentamento no leitor.

Aproveite para conferir a nossa videoaula relacionada ao assunto:

Avaliação

-

    Assuntos Relacionados

    Escola Kids