Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Fui eu quem fiz ou fui eu quem fez?

“Fui eu quem fiz ou fui eu quem fez”? Quer saber a resposta para essa pergunta? Clique e saiba mais!

O verbo deve concordar com o pronome “quem”: eu quem fez, tu quem fez, eles quem fez, e não com o pronome “eu” O verbo deve concordar com o pronome “quem”: eu quem fez, tu quem fez, eles quem fez, e não com o pronome “eu”

Fui eu quem fiz ou fui eu quem fez? Você sabe a resposta para essa pergunta? Já tinha parado para pensar sobre o assunto? Pois é, a língua portuguesa é uma caixinha de surpresas sempre pronta para ser aberta e descoberta! É hora de aprender o jeito certo e evitar erros na hora de escrever seu texto. Vamos lá?

Em primeiro lugar, é importante que você saiba que o correto será sempre “fui eu”, não “foi eu”, isso porque o verbo precisa concordar com o sujeito da oração e, como o sujeito está expresso no pronome pessoal “eu”, a concordância adequada será feita com o verbo fazer no pretérito perfeito do indicativo, ou seja, “fui”. Ninguém fala “eu foi”, portanto, sobre isso não há discussão, certo?

Agora, vamos responder à questão inicial: “fui eu quem fiz ou fui eu quem fez”? Observe:

► O “quem” é um pronome de terceira pessoa e o verbo deverá concordar com ele, não importando se antes aparecer outro pronome. Observe:

Fui eu quem fez.

Foste tu quem fez.

Fomos nós quem fez.

Embora existam outros pronomes nas orações – eu, tu e nós –, o verbo sempre vai concordar com o pronome “quem”, certo? Sendo assim, dizer ou escrever “fui eu quem fiz”, “foste tu quem fizeste” e “fomos nós quem fizemos” está incorreto.

Você pode também, se preferir, em vez de empregar o “fui eu quem fez”, optar pelo “fui eu que fiz”, trocando o pronome “quem” pelo pronome relativo “que” e fazendo a concordância adequada com o verbo. Observe:

Fui eu que fiz: Aqui, o pronome relativo “que” não tem força de sujeito na oração, sendo assim, o verbo deve concordar com o pronome que vem antes dele, nesse caso, o verbo vai concordar com o pronome “eu”:

Fui eu que fiz.
Foste tu que​ fizeste.
Foi ele que fez.
Fomos nós que fizemos.

De acordo com a norma culta da língua portuguesa, você pode usar o “fui eu quem fez” ou o “fui eu que fiz”, só não deve misturar as duas formas. Portanto, é inadequado dizer ou escrever, por exemplo, “fomos nós quem fizemos” ou “fomos nós que fez”, lembre-se sempre de que o verbo deve concordar com os elementos “quem” e “que” de acordo com a explicação acima. Bons estudos!


Por Luana Castro
Graduada em Letras

Por Luana Castro Alves Perez

Você pode se interessar também

Português

Linguagem formal e linguagem informal

Português

Pronomes relativos

Últimos artigos

Crise de 1929

A Crise de 1929 foi a maior crise econômica da história dos Estados Unidos e do capitalismo. Foi iniciada pela quebra da Bolsa de Valores de Nova York.

Retângulo

O retângulo possui quatro lados e todos os ângulos internos medindo 90°. Essa forma geométrica está muito presente no cotidiano, como na face de caixas e nas paredes.

Paralelepípedo

O paralelepípedo é um sólido geométrico que possui todas as faces com paralelogramos. Essa forma pode ser percebida nos prédios e em caixas de sapatos.

Hiena

Hiena é um animal encontrado na África e na Ásia, bastante conhecido por seu hábito de se alimentar de carniça. Existem atualmente três espécies diferentes de hienas.