Mecanismo de feedback

  • Atualmente 0/5 Estrelas.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Mecanismo de feedback A produção do suor acontece devido a mecanismos de feedback negativo
Por Vanessa Sardinha dos Santos
PUBLICIDADE

Você já deve ter percebido que nosso corpo é uma máquina perfeita, com todos seus sistemas integrados para garantir o equilíbrio do meio interno. Para que funcione adequadamente, o corpo realiza uma série de processos diferentes, sendo um deles o mecanismo de feedback.

O que é o mecanismo de feedback?

O mecanismo de feedback é uma resposta dada após uma alteração. Pode ser definido ainda como uma mudança ocorrida em um componente do nosso corpo que promove o aumento ou a redução da resposta do nosso organismo. O feedback pode ser chamado de positivo ou negativo.

O que é feedback negativo?

O feedback negativo é aquele que atua reduzindo um determinado estímulo. Esse mecanismo está muito relacionado com a secreção de hormônios e com a manutenção do equilíbrio interno do nosso corpo, ou seja, com a homeostase.

Para entender melhor como funciona esse mecanismo, imagine que ocorreu um aumento de sua temperatura após a prática de exercícios. Seu sistema nervoso compreende essa mudança e promove a liberação de suor. À medida que você transpira, o suor chega à sua pele e evapora, esfriando seu corpo. Isso significa que, ao detectar o aumento da temperatura, o organismo promoveu a diminuição dela por meio da produção de suor.

O que é feedback positivo?

O feedback positivo diferencia-se do feedback negativo, pois causa uma amplificação em um determinado estímulo. Podemos ver isso, por exemplo, na hora do parto. Quando o bebê se posiciona para o nascimento, sua cabeça pressiona a abertura do útero. Essa região é rica em sensores que provocam a contração uterina. Quanto mais contrações ocorrem, mais a cabeça do bebê é pressionada e, consequentemente, mais contrações ocorrem. Esse mecanismo é essencial para o nascimento da criança.

Algumas vezes, no entanto, o feedback positivo causa uma amplificação de um evento perigoso. Esse é o caso da perda de sangue. A perda excessiva leva a uma diminuição dos batimentos cardíacos, e essa diminuição reduz cada vez mais esse batimento, o que pode causar até mesmo a morte da pessoa.


Aproveite para conferir a nossa videoaula sobre o assunto:

Avaliação

-

    Escola Kids