Qual matéria está procurando ?

Ciências

Ciências

Separação dos componentes do petróleo

Clique para aprender como é realizada a separação dos componentes do petróleo!

O petróleo é uma mistura homogênea de diversas substâncias orgânicas, principalmente hidrocarbonetos (compostos cujas moléculas apresentam apenas átomos de carbono e hidrogênio), e substâncias inorgânicas. Ele é encontrado em regiões profundas da crosta terrestre. Quando em regiões oceânicas, é necessária a utilização de uma plataforma de extração para obtê-lo como a representada a seguir:


Plataforma de extração de petróleo em região oceânica

Independentemente da região em que foi extraído, o petróleo, que possui coloração negra, sempre apresenta diferentes quantidades de substâncias químicas. Por esse motivo, ele é classificado em leve, médio ou pesado.

O petróleo, na forma crua (da forma como é extraído), não apresenta nenhuma utilização importante. Porém, as mais variadas substâncias que o constituem apresentam utilizações fundamentais no dia a dia do ser humano.

Para que as substâncias presentes no petróleo sejam utilizadas, é necessário realizar a separação de cada um dos componentes presentes. Além de serem separados, os componentes do petróleo ainda podem passar por outros processos químicos (transformações de um material em outro) para aumentar ainda mais o número de substâncias que podem ser obtidas.

A separação dos componentes do petróleo envolvem diversos processos. Neste texto, vamos dar enfoque apenas na etapa inicial da separação, que é a destilação fracionada.

a) Frações do petróleo

O processo de separação dos componentes do petróleo é chamado, de uma forma geral, de refino, e as substâncias que são separadas são chamadas de frações. As frações mais conhecidas do petróleo são:

  • Gasolina (combustível para carros e motos, por exemplo);

  • Querosene (combustível para aviões, por exemplo);

  • Nafta (utilizado como matéria-prima para a produção de plástico);

  • Óleo diesel (combustível para caminhões, por exemplo);

  • Óleo lubrificante (para lubrificar motores de carros);

  • Massa asfáltica (utilizada para pavimentação de ruas);

  • Betume (utilizado para realizar impermeabilização);

  • Parafina (utilizada na fabricação de velas, por exemplo);

  • Gás liquefeito de petróleo (utilizado como combustível no fogão).

b) Dessalinização do petróleo

Nesse processo, é adicionada ao petróleo uma quantidade de água para dissolver todo e qualquer sal que esteja presente. Como o petróleo é menos denso que a água, ficando por cima dela, logo em seguida é feita a separação dessa água com sais do petróleo por meio do método da decantação.

c) Destilação fracionada dos componentes do petróleo


Torres de destilação fracionada em uma refinaria de petróleo

O método mais básico para realizar a separação dos componentes do petróleo é a destilação fracionada. Ela é utilizada porque possui como princípio básico a diferença no ponto de ebulição dos líquidos presentes em uma mistura homogênea.

Durante a destilação fracionada, o petróleo é submetido a aquecimento e a diferentes pressões, o que faz com que seus componentes passem para o estado gasoso. Cada substância no estado gasoso apresenta uma densidade diferente (em virtude do ponto de ebulição diferente) e, à medida que os gases vão passando pelos obstáculos presentes na torre de destilação, eles ocupam áreas específicas dessa torre. Quando o gás entra em uma dessas áreas, começa a ser resfriado e volta para o estado líquido.


Representação esquemática de uma torre de fracionamento

Na imagem acima, podemos ter uma noção maior de como ocorre a destilação do petróleo. Na parte de cima da torre, ficam as frações com o menor ponto de ebulição; na parte inferior, estão as frações com maior ponto de ebulição. Isso ocorre porque as substâncias com menor ponto de ebulição conseguem atravessar os obstáculos da torre da fracionamento com mais facilidade, ocupando regiões mais altas.


Por Me. Diogo Lopes Dias

O petróleo é um líquido negro extremamente viscoso O petróleo é um líquido negro extremamente viscoso
Por Diogo Lopes Dias

Você pode se interessar também

Ciências

Destilação fracionada

Ciências

Misturas

Ciências

Separação de misturas

Últimos artigos

Cuca

Cuca é um ser do folclore brasileiro e apresentada como uma velha má que sequestra crianças. Por meio de Monteiro Lobato, a forma de jacaré da cuca se popularizou.

Animais herbívoros

Os animais herbívoros se alimentam de algas e/ou vegetais e, portanto, ocupam sempre o nível de consumidores primários na cadeia alimentar.

Realismo no Brasil

Realismo foi um estilo de época do século XIX. No Brasil, Machado de Assis é seu maior representante.

Código de Hamurábi

Código de Hamurábi — código de leis tradicionais na Mesopotâmia — foi compilado por Hamurábi, rei da Babilônia, no século XVIII a.C.