Qual matéria está procurando ?

Português

Português

Dissertar: conceito e características linguísticas

Características linguísticas? Conceito? Somente aqui você irá se interagir com os aspectos voltados para o ato de dissertar!

Dissertar significa expor opiniões acerca de um determinando assunto Dissertar significa expor opiniões acerca de um determinando assunto

Dois aspectos, concebidos como fundamentais, nos motivam a fazer com que você se conscientize acerca das características que demarcam o ato de dissertar, presente, é claro, nos chamados textos dissertativos. O primeiro deles, expresso no subtítulo deste artigo – conceito - estabelece uma estreita relação com aquela ideia voltada para o fato de que todo ato comunicativo possui uma finalidade, um objetivo a ser atingido. Dessa forma, a depender de tais intenções, há modalidades textuais que se estruturam de forma definida e que atendem aos nossos “chamados”, digamos assim. Entre elas se encontra uma de suma importância e que se mostra bastante recorrente no nosso cotidiano – o ato de dissertar. Ora, a todo o momento estamos nos posicionando enquanto seres dotados de opiniões próprias e defendendo-as, seja por um motivo ou por outro.

Partindo então desse princípio, temos que dissertar caracteriza-se pela exposição de opiniões, de posicionamentos próprios acerca de um determinando assunto. Assim, fazendo menção a outro aspecto, também já antecipado, que diz respeito às características linguísticas, sendo que elas se encontram definidas a partir das intenções (como ditas anteriormente) a que se propõe o emissor ao passar uma ideia. Dessa forma, vale afirmar que os textos voltados para a exposição de opiniões, obedecem, evidentemente, a uma estrutura padronizada, demarcada pelos seguintes critérios:


O texto dissertativo se demarca por traços distintos

 

# A linguagem utilizada segue o padrão formal, ou seja, aquele padrão estabelecido com base nas regras gramaticais;

 

# Nessa modalidade de texto costuma (e deve) prevalecer o sentido denotativo das palavras, ou seja, aquele retratado pelo dicionário, pois caso contrário, o uso da linguagem figurada descaracteriza o texto, tornando-o pessoal, subjetivo.

# O uso dos verbos na terceira pessoa do singular é o mais recomendável, pois fazer a opção do uso de formas verbais expressas na primeira pessoa do singular revela caráter pessoal, fazendo com que o texto não demonstre tanta credibilidade para o leitor, assim como deveria.

# Quanto à estrutura, geralmente se compõe de uma introdução, representada pela parte em que se apresenta o assunto e a tese, ou seja, aquela ideia passível de ser discutida, argumentada. A seguir, tem-se o desenvolvimento, no qual os argumentos são explanados, expostos, fazendo com que a postura assumida fundamente a tese levantada em discussão. Por último, apresenta-se a conclusão, na qual, como o próprio nome já diz, trata-se do fechamento de todas as ideias abordadas ao longo do texto, em que, geralmente, apresenta-se uma solução para o problema abordado durante a discussão.


Por Vânia Duarte
Graduada em Letras

Por Escola Kids

Você pode se interessar também

Português

Dissertação

Últimos artigos

Crise de 1929

A Crise de 1929 foi a maior crise econômica da história dos Estados Unidos e do capitalismo. Foi iniciada pela quebra da Bolsa de Valores de Nova York.

Retângulo

O retângulo possui quatro lados e todos os ângulos internos medindo 90°. Essa forma geométrica está muito presente no cotidiano, como na face de caixas e nas paredes.

Paralelepípedo

O paralelepípedo é um sólido geométrico que possui todas as faces com paralelogramos. Essa forma pode ser percebida nos prédios e em caixas de sapatos.

Hiena

Hiena é um animal encontrado na África e na Ásia, bastante conhecido por seu hábito de se alimentar de carniça. Existem atualmente três espécies diferentes de hienas.