Infarto

  • Atualmente 0/5 Estrelas.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Infarto O infarto pode apresentar como sintoma uma forte dor no peito
Por Vanessa Sardinha dos Santos
PUBLICIDADE

Com certeza, você já ouviu falar de infarto, não é mesmo? Mas, você sabe o que é o infarto? A seguir, vamos falar um pouco mais desse problema que pode até mesmo levar à morte.

O que é o infarto?

O infarto é um bloqueio do fluxo sanguíneo para o músculo do coração que provoca a morte do tecido. Geralmente, ele ocorre quando algum coágulo ou uma placa de ateroma (placa formada principalmente por lipídios e tecido fibroso) impede que o sangue chegue ao coração, o que faz com que o tecido muscular não receba oxigênio e morra. Muitas pessoas morrem em decorrência do infarto, e a taxa estimada de mortalidade está em torno de 30%.

Quais os fatores de risco para o infarto e como podemos preveni-lo?

O infarto é um problema de saúde grave que apresenta alguns importantes fatores de risco, sendo alguns deles:

  • Tabagismo;

  • Sedentarismo;

  • Hipertensão;

  • Colesterol elevado;

  • Obesidade;

  • Diabetes;

  • Idade avançada;

  • Histórico de doença cardíaca na família.

Para prevenir o infarto, é necessário ter uma vida saudável. Como vimos, o colesterol alto, a obesidade e o tabagismo, por exemplo, são fatores de risco, sendo assim, alimentar-se bem, praticar atividades físicas e não fumar são medidas que podem ser adotadas para evitar um problema cardíaco.

Quais os sintomas do infarto?

Muitas pessoas apresentam sintomas típicos quando estão tendo um infarto, entretanto, em muitos casos, ele pode ocorrer de forma assintomática. Entre os principais sintomas, podemos citar:

  • Dor ou sensação de aperto no peito;

  • Dor que irradia para o braço esquerdo, costas e pescoço;

  • Sensação de peso ou aperto no tórax;

  • Náuseas;

  • Tontura;

  • Mal-estar;

  • Fadiga;

  • Falta de ar;

  • Batimento cardíaco anormal;

  • Ansiedade.

Qual é o tratamento para o infarto?

O tratamento adequado será indicado pelo médico e dependerá de cada paciente. Em alguns casos, serão usados medicamentos específicos que visam dissolver o coágulo e permitir que o sangue flua novamente. Em outros, será necessário tratamento cirúrgico.

Vale salientar que, após receber alta médica, o paciente deve procurar uma real mudança no estilo de vida, suspendendo o fumo, por exemplo, e praticando atividades físicas. Dependendo do caso, o médico recomenda o uso de medicamentos como aspirina para evitar novos infartos.

Atenção: Ao perceber que uma pessoa está sofrendo um infarto, é essencial procurar ajuda médica. Um atendimento correto e rápido pode salvar uma vida.

Avaliação

-

    Escola Kids