Vogal temática

  • Atualmente 5/5 Estrelas.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Vogal temática A vogal temática tem a função de ligar o radical às desinências formadores das palavras, constituindo o “tema”
Por Luciana Kuchenbecker Araújo
PUBLICIDADE

Estudar a respeito dos elementos formadores das palavras é bastante importante para que possamos compreender melhor o(s) significado(s) de cada uma delas. Os elementos formadores de palavras representam unidades mínimas de significação, as quais são chamadas de morfemas.

Aqui refletimos a respeito da vogal temática, elemento mórfico responsável por ligar o radical às desinências formadores das palavras, constituindo o “tema”.

Inicialmente, é conveniente relembrarmos quais são os elementos mórficos formadores das palavras da Língua Portuguesa:

  • Radical

  • Raiz

  • Tema

  • Afixos (prefixos e sufixos)

  • Desinências (nominais e verbais)

  • Vogal temática (nominal e verbal)

  • Vogal e consoante de ligação

Vogal temática

As vogais temáticas A – E – I – O têm a função de ligar o radical às desinências formadores das palavras, constituindo o tema (tema = radical + vogal temática). As desinências são acrescentadas ao tema.

As vogais temáticas auxiliam na estruturação de alguns verbos (ações), chamadas de vogais temáticas verbais, e alguns substantivos (nomes), chamadas de vogais temáticas nominais.

Observe um exemplo de como as vogais temáticas auxiliam no processo de estrutura e formação das palavras:

  • VIAJAR

Radical: Viaj

Vogal temática: a

Afixo: r

Vogais temáticas verbais

As vogais -A, -E, -I, tematizam três grupos de conjugações verbais. A primeira conjugação verbal é marcada pela vogal temática -A, a segunda conjugação é marcada pela vogal temática -E, e a terceira conjugação é marcada pela vogal temática -I. Observe:

Primeira conjugação

  • dedicar

  • falar

  • amar

Segunda conjugação

  • saber

  • querer

  • descer

Terceira conjugação

  • abrir

  • polir

  • cair

Vogais temáticas nominais

Quando são átonas, as vogais -A, -E, -O são chamadas de nominais e ligam-se à desinência indicadora de plural (número do substantivo), como podemos observar nos exemplos: cereja-s, bolo-s, cheque-s.

De maneira geral, as vogais temáticas nominais localizam-se no final das palavras.

Dicas:

  • Palavras terminadas em vogais tônicas, como Pará, chulé, Jericó, não apresentam vogal temática.

  • As vogais temáticas não devem ser confundidas com as desinências indicadoras de gênero, pois alguns substantivos, como supermercado e escola, não sofrem flexão de gênero.

 

Por Ma. Luciana Kuchenbecker Araújo

Avaliação

10.0

    Escola Kids