Meiose

  • Atualmente 0/5 Estrelas.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Meiose Nos seres humanos, a meiose leva à formação dos gametas
Por Vanessa Sardinha dos Santos
PUBLICIDADE

A meiose é um tipo de divisão celular em que se observa a formação de quatro células-filhas com metade do número de cromossomos da célula-mãe. Sabemos que as células humanas, por exemplo, apresentam 46 cromossomos, portanto, aquelas que sofrem meiose têm apenas 23 cromossomos. Nos animais, a meiose ocorre na formação dos gametas. Isso significa que o processo de meiose acontece no corpo humano apenas para formar espermatozoides e óvulos.

O processo de meiose

A meiose é dividida em duas etapas: a meiose I e a meiose II. A meiose I dá início à divisão celular propriamente dita e começa após uma fase de preparação denominada de interfase. Na interfase, a célula produz organelas e proteínas, o material genético é duplicado e são formadas as cromátides-irmãs. Cada cromátide é um dos filamentos de DNA produzido durante a duplicação.

  • Meiose I

A meiose I é dividida em quatro etapas: a prófase I, a metáfase I, a anáfase I e a telófase I.


Etapas da meiose I

Na prófase I, assim como ocorre na mitose, os centrossomos (onde são organizadas estruturas proteicas chamadas de microtúbulos) movimentam-se para polos opostos da célula, forma-se o fuso que se liga aos cromossomos, o envelope nuclear é desfeito, o nucléolo (região onde são produzidos os ribossomos) também se desfaz e os cromossomos tornam-se mais condensados. Durante a meiose, o evento característico da prófase I é o crossing over, no qual acontece a troca de pedaços dos cromossomos.

Na metáfase I, os cromossomos homólogos (cromossomos iguais entre si que formam um par) arranjam-se no meio da célula e formam a placa metafásica ou equatorial.

A anáfase I é caracterizada pela movimentação dos cromossomos para os polos das células, guiados pelas fibras.

A telófase I é a divisão da célula em duas (citocinese). Em algumas espécies, pode formar-se um novo envoltório e os cromossomos descondensam-se. No final dessa etapa, haverá duas células, cada uma com os seus cromossomos formados por duas cromátides-irmãs. Essas células possuem metade do material genético da célula que iniciou o processo.

  • Meiose II


Etapas da meiose II

A meiose II é uma etapa semelhante à mitose. Antes de seu início, não se observa a duplicação do material genético. Durante a meiose II, ocorrem as etapas: prófase II, metáfase II, anáfase II e telófase II.

Na prófase II, observa-se a movimentação dos centrossomos, desintegra-se o envoltório nuclear das células (formado no final da meiose I), e o fuso liga-se aos cromossomos. Na metáfase II, os cromossomos dispõem-se na placa metafásica. Durante a anáfase II, ocorre a separação das cromátides, que se encaminham para os polos opostos. Na telófase II, o núcleo é formado, os cromossomos descondensam-se e a célula separa-se em duas.

No final da meiose, portanto, há a formação de quatro células-filhas, as quais apresentam metade do número de cromossomos da célula-mãe. No caso dos gametas, a formação de células com metade do número de cromossomos é essencial, pois, no momento da fecundação, o número de cromossomos daquela espécie pode ser restabelecido.

Avaliação

-

    Escola Kids