Empresas multinacionais

  • Atualmente 5/5 Estrelas.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Empresas multinacionais A expansão das multinacionais acontece com a integração global dos lugares
Por Rodolfo F. Alves Pena
PUBLICIDADE

As multinacionais – que também são chamadas de transnacionais ou empresas globais – são aquelas companhias que atuam em vários territórios no mundo, tanto com a dispersão de seus produtos entre as mais diferentes populações do planeta quanto com a expansão de suas fábricas para vários países. No contexto da globalização, as multinacionais exercem papel de destaque na economia mundial.

Se você começar a observar o seu cotidiano, perceberá que ele está repleto de produtos pertencentes a marcas de origem estrangeira, mesmo que a fábrica dessas mercadorias encontre-se em solo nacional. Isso acontece porque, com o avanço do sistema capitalista, essas empresas passaram a realizar suas atividades comerciais em todo o mundo. Assim, desde o nosso vestuário até aquilo que comemos e bebemos, existe um grande número de produtos fabricados por empresas globais.

Do ponto de vista histórico, o principal marco desse processo de expansão das empresas multinacionais pelo mundo foi a abertura comercial da China, um país autodenominado socialista e que tinha sua economia fechada ao mercado estrangeiro. Hoje, as ruas das cidades chinesas retratam em suas paisagens essa verdadeira “invasão” de empresas globais, que buscam mais consumidores na grandiosa população desse país.

Publicidade da Coca-Cola em um pequeno ponto comercial em Guangzhou, na China *
Publicidade da Coca-Cola em um pequeno ponto comercial em Guangzhou, na China *

Por falar em história, foi a partir da segunda metade do século XX que as empresas multinacionais intensificaram seu processo de expansão pelo mundo, o que gerou uma ampliação em nível global da disputa econômica entre elas pelo mercado. Nesse sentido, muitas delas conquistaram um crescimento ainda maior por meio da fusão ou compra de outras empresas, dominando mercados localizados e alguns segmentos comerciais globais.

Como já dissemos, essas empresas não transferem apenas os seus produtos, mas boa parte de seu processo produtivo para outros países. Muitas delas optam por países subdesenvolvidos e emergentes, pois eles possuem uma grande quantidade de mão de obra a preços menores, além de garantir um fácil acesso às matérias-primas e aos mercados consumidores desses países. Em alguns segmentos, há a distribuição da produção em várias partes, com cada peça de um mesmo produto sendo produzida em um local diferente do planeta e a montagem final em um outro país, nas fábricas chamadas de maquiladoras.

Por um lado, essa expansão internacional das fábricas permitiu a industrialização de países economicamente menos desenvolvidos, o que inclui o Brasil, gerando mais empregos. Por outro lado, esse processo gerou uma grande dependência econômica, haja vista que a maior parte dessas empresas transnacionais é oriunda de países desenvolvidos, que abrigam suas sedes e recebem a maior parte de seus lucros.

Em resumo, podemos dizer que a globalização vem integrando as diferentes partes do planeta não apenas na comunicação e nos transportes, mas também na economia, de modo que as relações comerciais e produtivas encontram-se cada vez mais integradas. As multinacionais são, portanto, uma das principais expressões da modernidade.

* Créditos da imagem: testing / Shutterstock


Por Me. Rodolfo Alves Pena

Avaliação

10.0

    Escola Kids