Classificação dos moluscos

  • Atualmente 0/5 Estrelas.
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Classificação dos moluscos Os mexilhões são moluscos do grupo dos bivalves
Por Vanessa Sardinha dos Santos
PUBLICIDADE

Os moluscos, animais invertebrados do filo Mollusca, apresentam como principal característica a presença de um corpo mole. Apesar de todos os animais desse filo possuírem essa característica marcante, há muitas diferenças entre eles no formato e na organização corporal. Entre os representantes mais conhecidos de moluscos, podemos citar os polvos, os caracóis, as ostras e os mexilhões.

→ Classificação dos moluscos

Os moluscos são classificados em sete classes: Aplacophora, Monoplacophora, Polyplacophora, Scaphopoda, Bivalvia, Gastropoda e Cephalopoda. No Ensino Fundamental, costuma-se estudar apenas três dessas classes (Bivalvia, Gastropode e Cephalopoda), uma vez que são as classes com maior número de representantes conhecidos. Neste texto, daremos atenção especial, portanto, a esses três grupos.

  • Bivalvia

Os bivalves são um grupo de organismos que são encontrados nos ambientes aquáticos, tanto marinhos quanto de água doce. Eles caracterizam-se por serem formados por uma concha composta por duas valvas articuladas, as quais possuem uma espécie de dobradiça. As duas valvas envolvem o corpo mole do animal e permanecem fechadas graças à presença de músculos fortes que as mantêm unidas.

Os animais desse grupo alimentam-se, geralmente, por meio de filtração e vivem fixados no substrato, enterrados na areia ou, ainda, em túneis cavados em madeira e cascos de barcos. Eles podem locomover-se, e, em alguns casos, a movimentação ocorre com a abertura e o fechamento da concha. Como representantes dos bivalves, podemos citar os mariscos, ostras e mexilhões.

  • Gastropoda

Os caracóis são exemplos de gastrópodes
Os caracóis são exemplos de gastrópodes

O grupo dos gastrópodes é o que apresenta maior número de espécies e também o que inclui representantes com maior variedade de habitats. Nessa classe, encontramos os únicos representantes terrestres de moluscos, mas também existem espécies de ambiente marinho e de água doce. Como representantes desse grupo, podemos citar os caracóis, caramujos e lesmas.

Essa classe de gastrópodes é tão diversificada que se torna complicado estabelecer uma característica marcante para descrever o grupo. Entre as características mais frequentes, podemos destacar a presença da rádula, uma espécie de língua raspadora, e a presença de uma concha espiralada, apesar de não ser encontrada em todos animais, a exemplo da lesma.

  • Cephalopoda

Os polvos são exemplos de cefalópodes
Os polvos são exemplos de cefalópodes

Os cefalópodes são animais marinhos que apresentam como representantes as lulas, os polvos e os náutilos. Nesse grupo de moluscos, encontramos espécies que possuem conchas com câmaras, como os náutilos, espécies desprovidas de concha, como os polvos, e aqueles que apresentam concha reduzida e interna, como a lula. Uma característica que merece atenção são os tentáculos que partem da cabeça. É por causa dessa característica que os cefalópodes receberam esse nome, pois o termo cephalopode vem do grego kephalos, que significa “cabeça”, e podos que significa “pé”.

Esses animais apresentam uma locomoção rápida, e a maioria deles consegue deslocar-se assim por causa dos jatos de água que saem de seu corpo, permitindo-lhes uma natação com força e velocidade. Apesar dessa característica, os polvos preferem rastejar no fundo do oceano e usam os jatos somente para fugir de predadores.

Avaliação

-

    Escola Kids